Dívida do Flamengo aumenta em R$ 163 milhões devido à pandemia da Covid-19

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/ FLAMENGO

A pandemia da Covid-19 paralisou, por meses, todas as competições esportivas ao redor do mundo. Durante a ausência dos campeonatos, os clubes começaram a ser afetados pela crise, perderam patrocínios, verbas de bilheteria, e foram obrigados e refazer todo o planejamento para tentar minimizar os efeitos econômicos. Em uma lista de dez clubes brasileiros que mais sofreram com a variação das dívidas, o Flamengo é o terceiro do ranking, com um aumento de R$ 163 milhões.

Conforme divulgado pelo Globo Esporte, em dezembro de 2019, as dívidas do Flamengo giravam em torno de R$ 540 milhões e, apenas no primeiro semestre de 2020, o valor aumentou para R$ 703 milhões. Com R$ 163 milhões de variação, o Rubro-Negro é o terceiro clube com maior aumento na dívida, ficando atrás apenas de Corinthians, o ‘top 1’ da com R$ 237 milhões de variação, e Cruzeiro, com R$ 180 milhões. Segundo o veículo, o cálculo do levantamento avalia todas as dívidas do clube, menos o caixa.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Vale lembrar que, com a suspensão das atividades, o Flamengo não demorou a sentir os primeiros impactos nos cofres e, nos primeiros meses, precisou lidar com a perda do patrocínio da Azeite Royal, que rescindiu com os quatro grandes do Rio de Janeiro, com o atraso no pagamento da mensalidade da Adidas, fornecedora de material esportivo, além da perda de assinantes no programa sócio-torcedor e, também, a ausência de valores de bilheteria.

No que diz respeito aos patrocínios, o Flamengo e a Adidas conseguiram ajustar os seus compromissos e, ainda durante a pandemia, o Mais Querido anunciou um novo patrocinador master. A posição, antes ocupada pelo Banco BS2, passou para o Banco BRB que, além da parceria, será sócio do Mengão na criação de um banco digital. Além do Banco de Brasília, na tentativa de minimizar os impactos nos cofres, o Rubro-Negro conseguiu acordos com o PES (Konami), e continua buscando novos parceiros para o clube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Pesquisei um pouco melhor agora.

    Nem mesmo a venda de alguns jogadores nao foi colocada no balanço vinição+caio roque (30milhoes) nem mesmo a do Mari foi colocada ainda (80millhoes), e como falei anteriormente, os direitos de transmissao da copa do brasil, brasileirao e libertadores foram postegados para o fim do ano.

    De toda forma acho que o saldo ainda dara negativo, mas nao sera algo tao grande como 163 milhoes. Dai até o final do ano ou o flamengo vence varios campeonatos e faz grana com premiacao ou tem que fazer uma grande venda para fechar o ano.

  • tá tudo controlado, com exceção desse ESTAGIÁRIO burro da gota serena, fila da puta que está acabando com tudo.

  • O Flamengo tem uma folha salarial gigantesca, que era mantida em dia por conta de receitas altas como bilheteria, socio torcedor e direitos de transmissao.

    Pelo pouco que eu entendo era esperado esses numeros negativos, mas até o final do ano eles vao melhorar. Com a pandemia houve, por exemplo, um remanejamento das verbas de televisao tanto pelo brasileirao quanto pela libertadores os quais representam um valor muito significativo (acho que a cota inicial do brasileiro é algo em torno de 25mi). Agora as receitas de bilheteria nao vao conseguir recuperar, para isso só vendendo jogadores.

    Também acho que as vendas recentes dos jogadores caio roque e vinição nao foram contabilizadas ainda. Só com eles sao 30 milhoes aproximadamente.

    Haverá prejuizos esse ano, fato. Esta muito claro que o clube até o final do ano vai precisar vender, até agora estao enxugando o elenco( saidas de berrio, pires varios jogadores jovens como lucas silva e dantas) e apostando em vendas de jogadores jovens como viniçao. Mas para amenizar de fato o ano ou o flamengo ganha uns 2 titulos ou vai ter que fazer uma venda bombastica tipo reinier ( gerson, lazaro sao os mais valorizados)

  • É por causa disso que eu sinto saudades das administrações anteriores a 2013. Com eles, isso não acontecia. Depois que o EBM chegou, o Flamengo passou a me causar desgosto e decepção.

  • Vendeu muitos jogadores, inclusive o Pablo Mari por mais de 80 mi. Será que é toda essa dívida? Ultimamente a imprensa vem plantando inúmeras notícias com a finalidade de denigrir a imagem do Flamengo.

  • Landin ta só aumentando as dívidas que o EBM sanou.

    Daquia a pouco começa a não conseguir segurar jogador e atrasar salários e vamos voltar a brigar para não cair, esse time é caro e depende de títulos e venda de jogares da base para se manter.

  • DESBLOQUEAMOS OS CANAIS PREMIERE, TELECINE, HBO, COMBATE E CANAIS ADULTOS PARA ASSINANTES DE TV POR ASINATURA DE QUALQUER LUGAR DO BRASIL E TAMBÉM REDUZIMOS O VALOR DA FATURA..
    SÓ PAGA DEPOIS QUE O SERVIÇO FOR FEITO.
    WHATSAP 11.957540287

  • Pelo menos temos acordo com o MyCujoo pra ajudar nos próximos anos. Mt bom!