Marcus Souza: “Entre a lucidez e a emoção”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Esse será um dos textos de opinião que talvez desagrade alguns torcedores e “analistas” de desempenho pelo mundo do futebol. Porém, é extremamente necessário que o dito aqui seja pontuado.

É notório que o treinador Domènec não agrada parte da torcida, e com razão, não se pode culpar um torcedor que se irrita com diversas goleadas em uma temporada na qual se tem o melhor elenco do país, num clube que paga em dia a folha salarial mais alta do Brasil, enfrenta rivais com meses de atraso salarial e joga de igual para igual com elencos muito abaixo e que não possuem a estrutura que temos.

Falta tempo para treinar? É óbvio que falta. As convocações para as seleções, lesões e o ano atípico atrapalham? É óbvio que atrapalham.

Mas agora sejamos honestos, só o Flamengo perde os melhores jogadores para as seleções? Os que ficam, são inferiores aos não convocados dos adversários? Só o Flamengo possui jogadores lesionados? Só o Flamengo enfrenta um calendário atípico?

Reflitam sobre essas perguntas antes de dizerem a resposta padrão que o Atlético-MG disputa só o Campeonato Brasileiro e não engrena com Sampaoli. Primeiro porque esse texto não se trata do Atlético, segundo que não é uma questão de comparar Dome, Abel, Jorge Jesus, Sampaoli ou qualquer outro e sim de reconhecer que certas desculpas não cabem, sejamos lúcidos aqui, independente do ponto de vista.

Após enumerar o óbvio para alguns e nem tão claro assim para outros, vamos aos meus argumentos. Quando alguém atribui a ineficiência do ataque, seja na conversão de pênaltis ou as chances de Gabigol no início do campeonato, bem como as bisonhas e frequentes falhas na defesa de Gustavo Henrique e Léo Pereira, ao treinador, não sejam ingénuos, a culpa é sempre compartilhada. Não cabe aqui blindar treinador e nem atleta, quem errou para todos verem é quem está em campo, mas quem possui a função de corrigir isso é a comissão técnica. Não cabe, falha após falha, blindar a comissão, achando que foram erros pontuais. A única pontualidade que existe nesses casos é a certeza de que basta haver a chance para o erro acontecer.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Por outro lado, aos emocionados do #ForaDome, sejamos racionais. Trocar de treinador a essa altura é a certeza da condenação da temporada ao fracasso. Qualquer um que chegue para substituí-lo nesse momento não terá tempo de aplicar mudanças significativas. A Libertadores e a Copa do Brasil já estão nas oitavas, metade do Brasileiro já foi, o que nos resta é entender a limitação dos que aqui estão, apoiar na medida do possível e exigir que os dirigentes tenham um substituto para a próxima temporada. Não é feio mudar, feio é insistir no erro.

É indefensável, ao meu ver, um treinador que põe a culpa de uma derrota no gramado, o desempenho da melhor equipe sempre ficará prejudicado em um gramado ruim, mas nada que justifique apatia e uma goleada sofrida, afinal, o campo deveria atrapalhar os dois lados e não apenas o time que mais vezes jogou nele.

É indefensável um jogador fazer uma partida pífia e termos que ouvir que ele “jogou maravilhoso”, não precisa falar mal ou queimar o atleta para imprensa, mas é tirar o torcedor de idiota um comentário desses, como fez com Michael. Antes tivesse desconversado.

É indefensável o treinador argumentar que a equipe sente falta da torcida e por isso não se motiva, a ausência da mesma não é exclusividade nossa e teremos que saber lidar com ela!

Falta melhorar muito, do gramado ao psicólogo, do zagueiro ao atacante, do treinador ao dirigente. Ou melhora, ou aceita que é do mesmo patamar dos demais, ou entende que a cobrança aqui no Flamengo é diferente sim, ou então vai torcer/trabalhar no Bangu!

Saudações Rubro Negras
Por: Marcus Souza

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Escrevo isso depois da demissão de Dome: em 3 meses de trabalho o que ele fez (e bem) foi a parte ofensiva. O Flamengo criava com ele muito com a bola no pé. O que ele não fez foi a parte defensiva. Com a defesa vazada com frequência ele se recusou a reconhecer isto como um problema .Se ele não faz nada para corrigir, a demissão se justificou

  • VERGONHA VERGONHA ..ou será falta de vergonha na cara? Este idiota do Bras diz que tem gêlo no sangue …é e M…a na cabeca! Contratar este aprendiz de técnico…putzgrila será que vão manter este bosta até quando perderem a Copa do Brasil, o Campeonato Brasileiro e a Libertadores? Estes caras vem fazem M…a e vão embora mais ricos e o Mengão e a torcida que se danem! Este negócio de selecão faz com que os caras tirem o pé, evitem jogadas arriscadas porque querem é ir para a selecão. Com um jumento como técnico, jogadores desinteressados e sem torcida vamos para um buraco mais fundo do que o que estavamos antes. Chega de perder tempo falando a toa. Os “dirigentes”estão c…..o e andando e otécnico é uma m…a!!!!

  • É um ano atípico, qualquer treinador estaria enfrentando dificuldades, ano passado queriam mandar o Mister embora depois 5 jogos. Não Esqueçam que o desempenho do português pós pandemia foi bem fraco, por pouco não perdemos o estadual. Os argumentos anti Domenec são bons, mas prefiro os prós.

  • Quando o Torrent acabar de ser “fritado”, nenhum outro treinador lá de fora vai aceitar vir para o Brasil. Lá fora, o Brasil é famoso por essas escrotices que fazem com os técnicos. O próprio Flamengo já enfrentou dificuldades para conseguir contratar o catalão. Isso, mesmo depois de todo o sucesso do J. Jesus. É preciso mudar a mentalidade.

  • Quer encontrar uma mulher para uma noite? Bem – vindo ao — S︆︆e︆︆xc︆︆o︆︆n︆︆t︆︆.︆︆C︆︆o︆︆m

  • O Dome é um treinador muito limitado, se o time não estiver bem ele não consegue mudar o esquema durante a partida, fica preso ao esquema inicial, e quando finalmente resolve mudar já não dá mais tempo…

  • Tiago nunes ganha pelo menos a copa do brasil fácil se assumir agora!!! Fora fdp Dome!!!

  • Texto é retumbante o tempo todo. Agora não a mais o que fazer, ir até o final, juntar forças e vê oq acontece, jogadores precisam está concentrados, Contra o São Paulo a culpa menor foi do Domè, mas alertar os jogadores e evitar erros primários, pode sim ser tarefa da comissão técnica. Mas o jogo em si foi equilibrado, se fosse 4×4 não seria nenhum exagero.

  • O comentário do Marcus Souza, com certeza vai desagradar muita gente, mas se tem
    uma coisa lúcida, é quando afirma que tirar o Dome pelo menos agora PODE enterrar de
    vez toda a temporada, é bom não esquecer que faltam 6 jogos para o título da copa do
    Brasil, faltam 7 jogos até a final da libertadores e na metade do brasileiro, estamos com
    os mesmos pontos do líder, se é verdade que poderíamos estar melhor, também é verdade
    que podemos consertar os erros que não são muitos, se escolher os melhores pra zaga e
    para de inventar, duvido muito que esse time e elenco não traga os títulos.

  • FORA DOME!!!!!!