Arremessador nato, jogador de grupo e fã de Kobe Bryant; conheça Lucas Martinez, novo reforço do Flamengo

FOTO: DIVULGAÇÃO/FLAMENGO

Por: Guilherme Calvano

Na última quinta-feira (10), o Flamengo anunciou seu novo reforço para a equipe de basquete. O mexicano-americano Lucas Martinez, de 30 anos, assinou contrato e se juntará ao elenco mais estrelado da América. Em entrevista exclusiva ao Coluna do Fla, o ala-armador, que atuava no Soles de Mexicali, do México, contou como se sentiu ao receber a notícia do interesse do Rubro-Negro.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Quando eu ouvi sobre o interesse pelo meu agente, eu fiquei animado. Eu sempre ouço coisas boas sobre o clube e o quão profissional ele é, então eu estava muito feliz!

Perguntado sobre ídolos e referências no basquete, Lucas não titubeou. O novo jogador do Mengão citou dois ex-astros da NBA (Liga de Basquete Norte-Americana), além do brasileiro Leandrinho, que recentemente se aposentou e passou a integrar a comissão técnica do Golden State Warriors.

Kobe e Rodman foram jogadores que me inspiraram crescendo. Barbosa (Leandrinho) era um jogador que eu amava assistir. Ele jogava com muita energia e sempre parecia estar no lugar certo na hora certa.

Sobre suas principais características e virtudes em quadra, o ala-armador destacou o arremesso e a capacidade de dar assistências. Além disso, deixou claro que é um jogador de grupo e que sempre preza pelo coletivo.

Eu acho que a minha maior qualidade é ser um jogador que joga pro time primeiro e apenas deixa o jogo vir até mim. Eu acredito que arremessar é o que eu faço melhor mas eu também gosto de achar companheiros livres e correr na transição.

Por fim, ao ser questionado sobre a sensação de defender as cores de um dos clubes mais vitoriosos da América, Lucas afirmou estar muito honrado. Ele não escondeu a motivação e a ansiedade de vestir o Manto Sagrado e conhecer os novos companheiros de equipe.

Eu estou mais motivado do que nunca. Eu estou ansioso por essa oportunidade e para competir em alto nível com meus companheiros. Flamengo tem um ótimo time e ótimos técnicos, eu acho que eu vou somar mais uma dimensão para esse time que vai só fazer o time ter uma rotação mais forte -, disse, antes de prosseguir.

Será uma honra pra mim. Sempre é um desafio ir para um novo time mas eu sou um cara de grupo. Eu vou fazer o que for melhor pro time sempre. Eu diria que esta la em cima junto com tantos difíceis desafios de minha carreira. Eu tive que superar um situação bem complicada para estar onde estou hoje. Eu só estou ansioso para conhecer meus novos companheiros e o objetivo é continuar vencendo jogos e campeonatos com o Flamengo -, completou.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *