Flamengo e Lille se acertam, e clube francês pagará salário de Thiago Maia durante recuperação

FOTO: DIVULGAÇÃO/CRF

A renovação com Diego Alves não foi a única boa notícia na semana do Flamengo. Nesta sexta-feira (18), o Rubro-Negro negociou, sem custo adicional, a extensão do empréstimo de Thiago Maia até dezembro de 2021, e devido à lesão no joelho, o Lille, da França, atendeu o pedido do clube carioca e pagará os salários do jogadores durante a recuperação. Ou seja, até o volante retornar aos gramados com o Manto Sagrado, o Fla não terá custo algum com a permanência do atleta.

Thiago Maia rompeu os ligamentos do joelho esquerdo contra o Atlético-GO no dia 14 de novembro. Após impasse na análise do tratamento, Flamengo, Lille e o jogador optaram pela cirurgia, que foi realizada somente no dia 3 de dezembro. De acordo com o boletim médico divulgado pelo Fla, o volante pode desfalcar o clube em até oito meses. Desde o momento da lesão, o Rubro-Negro iniciou o contato com o clube francês, que entendeu as condições do time carioca e aceitou arcar com os custos do camisa 33 durante o processo de recuperação.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Com o empréstimo renovado, as condições compra ao término do contrato foram mantidas. Caso o Flamengo opta pela compra em definitivo de Thiago Maia, o clube precisará pagar 7 milhões de euros por 50% dos direitos econômicos do atleta, ou seja, cerca de R$ 43 milhões. Visando recuperar o investimento feito ao tirar o jogador do Santos em 2017, Lille entendeu que a melhor opção era a permanência do camisa 33 com o Manto Sagrado. A informação foi inicialmente divulgada pelo Globo Esporte.

CONFIRA O VÍDEO:

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *