Com melhora defensiva, Flamengo reduz instabilidade, aumenta confiança e ganha força em briga pelo título

FOTO: MARCELO CORTES/FLAMENGO

No último domingo (07), o Flamengo empatou com o Bragantino em 1 a 1 e, naquele momento, viu suas chances de título diminuírem. No entanto, com a derrota do líder Internacional para o Sport, o Mais Querido segue dependendo apenas de si para ser campeão. Para chegar onde está, o Mengo se reorganizou na defesa e, grande parte do sucesso recente, passa por mudanças no setor. Dessa forma, o Rubro-Negro se distanciou das piores do Brasileirão e, de quebra, ganhou confiança para a reta final.

Por certo, o Mais Querido foi uma das equipes que mais sofreu com problemas defensivos na temporada. Erros capitais o tiraram das competições de mata-mata, como a Libertadores, e, até o momento, tiravam as chances de título do Fla. Além disso, vale destacar que o Rubro-Negro sempre teve um dos melhores ataques da competição, ou seja, a defesa deixou pontos importantes pelo caminho. Em suma, com Ceni, o Mengo ganhou consistência e, de certa forma, segurança em um setor frágil.

CONFIRA AS PIORES DEFESAS DO BRASILEIRÃO:

Goiás – 60 gols sofridos
Bahia – 58 gols sofridos
Botafogo – 58 gols sofridos
Vasco – 52 gols sofridos
Santos – 48 gols sofridos

Para unir com a boa fase, o Mais Querido ganhará um reforço de peso para a reta final do Campeonato Brasileiro. Isso porque, após longo período de recuperação, o zagueiro Rodrigo Caio está de volta e à disposição do técnico Rogério Ceni. No entanto, o treinador terá uma ‘dor de cabeça’ para escalar o sistema rubro-negro, visto que Arão e Gustavo Henrique mostraram entrosamento. Mesmo assim, quem entrar deve dar conta do recado e, depois, levantar o caneco.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


A fim de assumir a liderança nesta rodada, elenco e comissão técnica mantêm o foco no Corinthians, próximo compromisso do Mais Querido. O Flamengo encara o rival paulista neste domingo (14), às 16h (horário de Brasília), no Maracanã. A partida contará com exibição da TV Globo, mas o Coluna do Fla traz a transmissão mais rubro-negra da internet, no YouTube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *