Fora dos planos do Fla, Rodinei e Piris surpreendem no final do contrato e podem dar lucro na próxima janela

Fora dos planos do Flamengo, Rodinei e Piris da Motta, que atualmente defendem o Internacional e o Genlçerbirlig, respectivamente, podem viver novos ares no próximo ano. Isso porque, próximos dos fins de seus empréstimos, os atletas contam com sondagens que podem gerar bons lucros na janela de meio do ano.

Rodinei e Piris da Motta tem contrato com o Flamengo até 2022, mas os seus respectivos empréstimos duram até metade de 2021. Conforme divulgado pelo Globo Esporte, apesar de ambos terem valores estipulados para a compra, a expectativa do Rubro-Negro é de que a visibilidade dos atletas desencadeie propostas na janela de verão da Europa.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Sem atuar pelo Mais Querido em 2020, Piris foi fundamental para a luta contra o rebaixamento no Campeonato Turco, e se destacou em 18 partidas como titular, além de quatro gols marcados, todos de pênalti. Com as atuações do volante, de 26 anos, a equipe encerrou o turno como o primeiro time fora do Z4. Para garantir a permanência do volante, o Gençlerbirlig terá que exercer a opção de compra e desembolsar cerca de 3,2 milhões de euros, aproximadamente R$ 22,8 milhões até o fim do empréstimo.

Rodinei, por sua vez, teve seu vínculo com o Internacional ampliado até 30 de maio, devido ao calendário do Brasileirão deste ano. Com 31 partidas e um gol, o lateral-direito, de 29 anos, foi titular em sete das oito vitórias consecutivas do Colorado no torneio nacional. Para permanecer no Inter, Rodinei precisa que o time gaúcho invista cerca de 4 milhões de euros, R$ 26 milhões.

Com aproximadamente R$ 180 milhões previstos no orçamento de 2021 com a venda de jogadores, o Flamengo teve um alívio nas finanças ao negociar Yuri César e Lincoln, mas vê em Rodinei e Piris da Motta boas oportunidades de lucro para o caixa.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Se o Santos tivesse ganho a libertadores, o Pará seria mais um incluído na lista do Nélio aí embaixo. Mas a verdade é que laterais como ele e o Rod, em momentos cruciais tendem a demonstrar o porquê de não estarem à altura do Flamengo, como o Pará demonstrou na final.

  • Pires da Mota era um jogador jovem que mostrava qualidades, precisava apenas de sequência de jogos, que não teve. Excelente volante.
    Rodinei, é muito melhor que o Isla. Infelizmente no Flamengo era considerado jogador descartável. Entrava uma vez ou outra por pouco tempo, não lhe deram sequência de jogos
    É preciso ter visão para classificar um jogador. Geralmente jogadores que não servem para o Flamengo fazem sucesso em outros clubes