“Jogo do Flamengo você descarta, está brigando por outro patamar”, admite Luxemburgo após derrota

FOTO: REPRODUÇÃO/VASCO TV

Nesta quinta-feira (04), o Flamengo venceu o Vasco por 2×0, em partida válida pela 34ª rodada do Brasileirão. Com o resultado positivo, o Rubro-Negro manteve o retrospecto favorável contra o arquirrival, e manteve vivo o sonho de conquistar o octacampeonato. Ao final do confronto, Vanderlei Luxemburgo, treinador do Cruzmaltino, minimizou a derrota e projetou o futuro no torneio.

ASSISTA AOS GOLS DA VITÓRIA DO FLAMENGO:

Foram dois tempos distintos, fomos muito mal no primeiro e melhores no segundo. Mas jogamos contra uma grande equipe, o Flamengo, que é segundo colocado da competição, com jogadores de alto nível e com equipe muito boa. Melhoramos no segundo tempo e levamos o segundo gol quando estávamos equilibrando o jogo. Fortaleza é confronto direto, temos que nos preparar muito -, disse, antes de prosseguir:


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Jogo do Flamengo você descarta, claro que você quer ganhar pela rivalidade, por tudo que envolve um clássico Flamengo e Vasco, mas o Flamengo está brigando por outro patamar. Temos o jogo com o Fortaleza, o próprio Inter em casa. Faltam quatro jogos, o Fortaleza ganhou, o Bahia ficou parado e ainda tem o Sport, que vai jogar sexta (com o Botafogo) -, concluiu.

Com a vitória sobre o Vasco, o Flamengo alcançou os 64 pontos e diminuiu para dois a vantagem do Internacional, líder do torneio. Com o triunfo, o Mais Querido, atual campeão brasileiro, volta a depender só de si para garantir o octacampeonato e a manutenção do troféu nacional.

Apesar do bom resultado, o Rubro-Negro não tem tempo a perder e já precisa virar a chave para o próximo desafio: a partida contra o Red Bull Bragantino, que será disputada no domingo (07), às 20h30 (horário de Brasília), no estádio Nabi Abi Chedid.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Luxemburgo é esperto, já está tirando o dele da reta na derrota para o Inter mais para frente. É tipo: “vamos perder para o Inter, mas vocês sabem como é… não é porque tivemos corpo mole, foi culpa do outro patamar.” E os nanicos da colina vão comemorar a queda fiéis a crença de nunca ajudarem o Flamengo. Ou seja, nada de novo.