Sem Diego, Ceni indica ajuste no meio campo do Fla para encarar o Bragantino; veja provável escalação

FOTO: MARCELO CORTES/FLAMENGO

Na noite deste domingo (07), às 20h30 (horário de Brasília), em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo visita o Red Bull Bragantino, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. Sem pode contar com Diego Ribas, suspenso após levar o terceiro cartão amarelo, o técnico Rogério Ceni terá que fazer mudanças no meio-campo da equipe.

A provável escalação do Rubro-Negro carioca para o duelo é: Hugo Souza; Mauricio Isla, Willian Arão, Gustavo Henrique e Filipe Luís; João Gomes, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol.

Além de João Gomes para o setor de meio-campo, Ceni também pode optar por recolocar Willian Arão em sua posição de origem (volante). Nesse caso, teria que escolher outro jogador para fazer dupla de zaga com Gustavo Henrique. Léo Pereira e Natan são as opções.

Além de Diego Ribas, o treinador não poderá contar com dois pilares defensivos da equipe. Diego Alves e Rodrigo Caio, ambos lesionados na coxa direita, estão fora. Thiago Maia, operado do joelho esquerdo, completa a lista de ausências.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Com 64 pontos ganhos, dois atrás do líder Internacional, o Mais Querido ocupa a segunda colocação do Brasileirão. Caso vença em Bragança Paulista e os gaúchos tropecem em casa, diante do Sport, na quarta-feira (10), o clube da Gávea assumirá a liderança. O Bragantino, por sua vez, é o nono colocado, com 47 pontos, e luta por uma vaga na Copa Libertadores.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Acho que o Flamengo poderia escalar o Pedro juntamente com o Gabigol e o Bruno Henrique no ataque. A improvisação na defesa é totalmente desaprovada, pois tendo Thurler, Natan e Gabriel Noga para jogar e o técnico prefere colocar o Willian Arão é um posicionamento incompreensível. Outra situação preocupante é a atuação dos laterais que estão sem preparo físico para o decorrer dos jogos. Por quê Ramon e Mateusinho não são aproveitados se os mesmos já mostraram serem qualificados para substituir Filipe Luís e Isla? A desculpa de serem inexperientes não cola. Futebol é o momento e os dois estão em melhor forma física e técnica.

  • Gerson não aguentando os 45min, colocava o Pepê, que joga muito. O Bruno Henrique seria a mesma coisa, nao aguentando, substituiria com o Pedro. De novo, na zaga: Arão e Natan.

  • Lembrar a Nação que, Gerson e Bruno Henrique andam a meia bomba e talvez não aguentam 90min de jogo. Eu até gostaria que Bruno Henrique, Pedro e Gabigol jogassem juntos, mas este não é o momento. Começa com João Gomes e Gerson e os 4 de sempre. Porquê o Bragantino é osso. Começaria na zaga com Arão e Natan. Se o Gustavo Henrique entregar o jogo para o ataque veloz do time paulista, o Ceni cai.

  • Eu colocaria mais esperiència em campo, deslocava E.Ribeiro ou Arrascaeta para o meio, e Pedro e Gabriel na frente com B.Henrique.