Thiago Maia revela atenção especial de Rogério Ceni durante período de recuperação: “Está disposto”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

Desde novembro, o Flamengo convive com um desfalque de peso no elenco. Isso porque, Thiago Maia é ausência na equipe após sofrer uma grave lesão no joelho esquerdo e ainda estar em recuperação por conta da cirurgia. Sem entrar em campo há três meses, o volante, na medida do possível, permanece perto dos companheiros de time. Fazendo as atividades no CT Ninho do Urubu, o camisa 33 mantém contato com todos os jogador e, principalmente, Rogério Ceni.

Em entrevista ao Globo Esporte, Thiago Maia revelou um pouco mais da relação com o treinador. O volante atuou somente duas partidas sob o comando de Ceni, que segue acompanhando de perto o quadro de recuperação do atleta. Além disso, o camisa 33 conta uma brincadeira que rola entre os companheiros projetando o seu retorno aos gramados.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


– Toda vez que eles me veem, perguntam: “E aí, para o próximo jogo já dá?” (risos). Principalmente o Rogério. Ele faz questão de ir lá na fisioterapia falar com a gente, saber como que está. Isso é bem bacana. Mostra como ele está disposto. Conversei com ele, falei que o time está evoluindo, está encaixado. Agora é torcer para conseguir a vitória, que é o mais importante.

A recuperação de Thiago Maia vem sendo monitorada pelo departamento médico do Flamengo, que se demonstra muito otimista com a situação. Cabe ressaltar que, na semana passada, o volante realizou a primeira atividade de contato com a bola desde que sofreu a lesão ligamentar no joelho esquerdo.

Ausência dentro de campo, Thiago Maia fica na torcida para o Flamengo conquistar o título de campeão brasileiro. Em clima de decisão, o Rubro-Negro encara o Internacional, no próximo domingo (21), às 16h (horário de Brasília), no Maracanã, pela 37ª rodada da competição. Atualmente, o Fla é o segundo colocado com 68 pontos, enquanto o clube gaúcho é líder com 69.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *