Adriano Imperador revela episódio polêmico com José Mourinho na Inter: “Me botou para treinar separado”

FOTO: DIVULGAÇÃO/TOTTENHAM

Revelado pelo Flamengo, Adriano ganhou o apelido de ‘Imperador’ devido ao sucesso que teve na Inter de Milão nos anos 2000. Apesar das glórias, o ex-atacante também passou por momentos turbulentos no clube italiano. Em entrevista ao “Arena SBT”, Didico revelou que um destes episódios foi relacionado ao português José Mourinho, técnico dos Nerazzurri entre 2008 e 2010.

O Mourinho viu que eu estava cabisbaixo para caramba e me botou para treinar separado. Eu fiquei mais p… da vida. Fiquei duas semanas treinando sozinho, depois voltei a treinar com o grupo. Numa quinta-feira, eu soube que seria convocado (para a partida). Na sexta, eu não fui, aí eu fiquei p*** de novo -, contou Adriano.

A moral de Imperador na Inter era tanta que, em meio ao ocorrido com Mourinho, Didico recebeu o apoio dos companheiros, que foram até sua casa pedir para que o brasileiro ficasse no clube. Porém Adriano já estava decidido a retornar ao futebol brasileiro.

Quando eu estava saindo da Inter de Milão, todos os jogadores foram na minha casa para pedir para eu ficar. Mas eu sabia que se eu ficasse, iria atrapalhar eles também. Eu pensei: ‘Não posso fazer isso com eles’. Nunca falei isso para ninguém.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


A segunda passagem de Adriano pelo Mais Querido foi histórica. Junto de Petkovic, Imperador foi o principal destaque do hexacampeonato brasileiro do Clube da Gávea, em 2009. Reconhecido até hoje, Imperador é um dos ex-jogadores mais aclamados pelos rubro-negros.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *