Após bom início, Bruno Viana cai de produção e vai para fim da fila no Flamengo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Por conta da pandemia, e ao contrário dos últimos anos, o Flamengo não teve grandes gastos em reforços para 2021. O único atleta que chegou ao Mais Querido para agregar o elenco na temporada foi o zagueiro Bruno Viana, que veio do futebol português. No entanto, apesar do bom início, o camisa 30 caiu muito de produção e, no momento, é a quarta opção de Rogério Ceni para a zaga do Rubro-Negro.

Vale destacar que, desde que chegou ao Mengo, Bruno Viana disputou 14 jogos e não marcou nenhum gol. Contudo, o curioso é que o início de sua trajetória com o Manto Sagrado foi seguro. O camisa 30 demonstrou confiança e parecia se tornar uma opção importante para o Flamengo. No entanto, a partir do duelo contra o Unión La Calera, na qual o defensor falhou três vezes, o atleta perdeu espaço com Rogério Ceni.

Além disso, Bruno Viana já protagonizou alguns episódios que incomodaram elenco e comissão técnica nos bastidores. Segundo informações confirmadas pelo Coluna do Fla, o zagueiro parece estar desinteressado nos treinamentos e, por isso, perdeu espaço entre os titulares. Apesar disso, o camisa 30 já mostrou qualidade e, caso recupere sua confiança, pode se tornar uma opção importante para a sequência da temporada.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Com Bruno Viana à disposição, o Mais Querido mantém o plano de preparação visando o próximo compromisso da temporada. Por certo, o Flamengo enfrenta o Coritiba na quinta-feira (10), às 21h30 (horário de Brasília), no Couto Pereira. Válida pela terceira fase da Copa do Brasil, a partida contará com transmissão do Coluna do Fla, a mais rubro-negra da internet, no YouTube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Certa vez eu escutei que ele começou a jogar como volante. Faz sentido, pois ele não tem cacoete de zagueiro. Ele não tem nenhuma impulsão só pulando, sem correr. Não sabe dar o bote e nem se antecipar a uma jogada. Parecia que grande virtude dele era saber sair jogando, mas depois das duas falhas grotescas contra o Union La Calera, onde quase perdemos o jogo, ficou evidente que ele é fraco, digo: MUITO fraco, não serve nem pra compor elenco.

  • Bruno Viana, está sendo uma decepção.
    Seu início foi altamente satisfatório, mostrando tranquilidade, saindo bem com a bola e distribuindo passes certeiros. Entretanto, andou se atrapalhando demais até em jogadas fáceis (como aquela em que , por 3 vezes errou a jogada e acabou entregando a bola que resultou em gol do adversário).
    Talvez ainda esteja abaixo de seu melhor, pois tem jeitão de craque. Lembrou muito o Aldair, nos seus primeiros jogos.
    Para a garotada, Aldair foi um dos grandes zagueiros que o Mengão formou. Aldair foi para a Roma e lá, jogou tão bem que sua camisa número 6 foi aposentada por 10 anos. Depois destes 10 anos, a Roma voltou a usar a camisa 6, a pedido do próprio Aldair. Lá, Aldair é endeusado até hoje.

  • Deveria ir para fim de contrato!
    A diretoria não vê, que precisamos de um zagueiro a altura do Rodrigo Caio.
    Um bom ataque ganha jogos, mas uma boa defesa, ganha campeonatos.
    E o pior, que essa mesma diretoria viu isso no ano de 2019,mais parece que se esqueceu.