Dirigente do Flamengo celebra união de clubes para criação de Liga Nacional de Futebol

FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM RODRIGO DUNSHEE

Nesta terça-feira (15), representantes de 19 clubes da Série A assinaram um documento favorável à criação de uma Liga Nacional, independente da CBF. Vice presidente geral e jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee celebrou a união das equipes em prol do “amadurecimento do futebol”.

“Parabéns a todos os presidentes de clubes pela sensatez e firmeza na decisão de criar uma Liga Nacional de Futebol Profissional. Muito honrado de ter, humildemente, testemunhado esse momento de amadurecimento do futebol brasileiro”, escreveu o dirigente em seu Twitter.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Dos 20 clubes que, hoje, fazem parte da elite do futebol nacional, apenas o Sport, do Recife, não foi favorável à criação Liga Nacional. Vale destacar, no entanto, que para que o projeto seja colocado em prática, os times dependem da aprovação da Assembleia Geral Administrativa da CBF.

Nos bastidores, enquanto a diretoria do Flamengo aguarda o andamento do projeto, dentro de campo, o Mais Querido foca suas atenções no duelo contra o Coritiba, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. O confronto será disputado nesta quarta (16), no Maracanã, às 21h30 (de Brasília), e vale vaga nas oitavas de final da competição.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • O esporte não vai aceitar, deve estar pretendendo ser campeão em 2022

  • Não demora muito para termos um traidor entre os que assinaram e a tentativa de volta do Botafogo, Vasco e cruzeiro a elite e por via não desportiva.
    O Flamengo vai, mais uma vez, ser o maior prejudicado pelos falsos apoiadores.
    Muito estranho esse movimento num dos melhores momentos do flamengo na história tanto na parte desportiva quanto nas finanças.