Três funcionários do futebol do Flamengo testam positivo para Covid-19 e são afastados do clube

FOTO: REPRODUÇÃO/FLA TV

Além de Giorgian De Arrascaeta, que testou positivo para o novo coronavírus ao se apresentar à Seleção Uruguaia, o Flamengo tem mais três casos de contaminação ligados ao futebol do clube. O auxiliar do técnico Rogério Ceni, Nelson Junior, o analista de desempenho Leandro Costa e um roupeiro contraíram o vírus  e estão cumprindo quarentena. A informação foi divulgada primeiramente pelo jornal “O Dia”.

Por certo, os funcionários não foram ao CT Ninho do Urubu nesta quinta-feira (03) e foram afastados imediatamente após o diagnóstico positivo para Covid-19. Já Arrascaeta, como apurado pela reportagem do Coluna do Fla, segue em isolamento da delegação uruguaia. O meia não participará dos dois próximos jogos da Celeste nas Eliminatórias, mas está mantido na lista para a Copa América.

Além das ausências por Covid-19, o Mais Querido nesta semana não pôde contar com Gabigol, Rodrigo Caio, Everton Ribeiro e Mauricio Isla, também convocados para as Eliminatórias. Gerson e Pedro servem a Seleção Olímpica.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!



Desfalcado, tanto em campo, quanto fora dele, o Flamengo segue o plano de preparação visando a estreia na Copa do Brasil 2021. Na próxima quinta-feira (10), às 21h30 (horário de Brasília), o Rubro-Negro visita o Coritiba, no Estádio Couto Pereira, em jogo válido pela terceira fase do mata-mata nacional. Para o confronto, a expectativa é de que o Mengo conte com o retorno dos jogadores que servem suas respectivas seleções, com exceção de Arrascaeta, que ainda terá de ficar afastado pelo teste positivo.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *