Conmebol oficializa jogo da volta na Libertadores em Brasília

A Conmebol oficializou nesta quinta-feira (15) a transferência do jogo contra o Defensa y Justicia, pelas oitavas da Libertadores, para o Mané Garrincha. Com a decisão, o estádio poderá receber até 15 mil pessoas para o duelo classificatório entre cariocas e argentinos no torneio continental.

No site oficial e nas redes sociais, a entidade comunicou: “A Direção de Competições de Clubes da CONMEBOL informa sobre a modificação de cenário de disputa para o jogo entre Flamengo e Defensa y Justicia nas Oitavas de Final da CONMEBOL Libertadores 2021.”


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Anteriormente, a Conmebol já havia liberado o retorno gradual de público em partidas da Libertadores da América. Contudo, a presença depende da aprovação das autoridades locais e não apenas da entidade. A partir disso, o Flamengo, entendendo a dificuldade de aceitação no Maracanã, pleitou junto ao GDF (governo do Distrito Federal) e a prefeitura do Rio a presença de pessoas nos estádios.

É válido pontuar que recentemente o Maracanã recebeu público, na disputa da grande decisão da Copa América – que sagrou a Argentina como campeã, quebrando um tabu histórico. Houve jogo com público na final da Libertadores 2020 entre Santos x Palmeiras, com cerca de sete mil convidados.

Flamengo e Defensa y Justicia se reencontram na quarta-feira (21), às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio Nacional Mané Garrincha. Com a vantagem de ida, o Rubro-Negro pode avançar às quartas de final mesmo em caso de empate. Antes disso, o Mengo encara o Bahia, pelo Brasileirão, no domingo (18), às 18h15 (horário de Brasília).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Gosto da Coluna, mas as matérias são falhas. Vocês sempre deixam para o leitor ter que buscar complementação. Afinal, quem poderá assistir a partida? Somente os com 2 doses de vacinas ou o quê?