Jael explica origem de comemoração à la Gabigol e alfineta: “Eu inventei”

FOTO: ISRAEL SIMONTON/CEARÁ

Quando defendeu o Grêmio, o atacante Jael, atualmente no Ceará, passou a festejar gols com os braços levantados e mostrando os músculos, forma bastante semelhante à comemoração de Gabigol, camisa 9 e ídolo do Flamengo.

Perguntado sobre quem é o inventor da comemoração, Jael não titubeou e garantiu que foi o primeiro a celebrar seus tentos desta maneira. Além disso, em entrevista à ESPN, ele explicou o significado: um ‘monstro do bem’.

Eu (inventei a comemoração do Gabigol). Ele é fenômeno. Mas é diferente. Minha comemoração começou em um Gre-Nal. O Renato falou assim: ‘vocês estão criando um monstro’. Aí, eu comemorei como ‘monstro do bem’. E fiz essa comemoração -, disse antes de completar:

Quase na sequência, o Gabigol começou a fazer no Santos. Mas a dele é um pouco diferente. A dele é assim: ‘estou aqui’. A minha é mais assim: monstro do bem”, completou, enquanto demonstrava os detalhes que fazem as celebrações serem diferentes.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Apesar da “polêmica” sobre quem é o inventor da celebração, Jael pontuou que em sua comemoração os antebraços ficam mais arqueados e ele mostra os dentes, como um monstro. Enquanto isso, Gabigol deixa os antebraços mais levantados e balança a cabeça com um sinal positivo.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *