Renato Gaúcho evita falar do Palmeiras, mas admite ansiedade para final da Libertadores

FOTO: MARCELO CORTES

Na última quarta-feira (29), o Flamengo carimbou o passaporte para a final da Libertadores. O Rubro-Negro venceu o Barcelona de Guayaquil por 2 a 0, no Equador, e com o agregado de 4 a 0, se tornou o finalista da competição continental. Agora, o Mais Querido enfrenta o Palmeiras na briga pelo tricampeonato. No entanto, Renato Gaúcho ainda não está pensando neste duelo.

A final está marcada para 27 de novembro, no Estádio Centenário, em Montevideo. São dois meses da classificação até a decisão e, por isso, Portaluppi considera ‘muito cedo’ para projetar o duelo. Apesar disso, o treinador reforçou que o Flamengo tem condições de fazer um grande jogo contra o Palmeiras.

— O objetivo maior, hoje, era a gente conseguir a classificação e conseguimos. A gente sabe do poder do adversário. mas é muito cedo, muito cedo para se falar nessa final. Eu acho que nós temos quase dois meses pela frente, vamos comemorar hoje e na sexta-feira já começamos a pensar no Campeonato Brasileiro. Lá na frente a gente vê, é importante a gente dar sequência ao nosso trabalho – antes de continuar:


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


— Meu grupo é muito bom, está acostumado a decisões e nós temos uma grande torcida. Então, nós temos todos esses ingredientes aí para enfrentar o Palmeiras e fazer uma grande final. Qualquer um pode vencer, mas é o que eu falei, lá na frente a gente começa a pensar. Hoje vamos comemorar a nossa classificação – finalizou.

Classificado à final da Libertadores, o Flamengo vira a chave e foca no Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro encara o Athletico-PR, no domingo (03), às 16h (horário de Brasília), no Maracanã, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *