Após divergência interna, Landim e Braz vão à Gávea prestigiar lançamento de livro do Maestro Júnior

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Na tarde desta terça-feira (26), o vice de futebol do Flamengo, Marcos Braz, iria conceder entrevista coletiva no Centro de Treinamento do Ninho do Urubu. No entanto, após duas horas de atraso, o clube informou o cancelamento da atividade e o motivo foi o veto do presidente rubro-negro, Rodolfo Landim. Já à noite, os dois foram vistos nas dependências da sede social da Gávea, para o lançamento do livro do Maestro Júnior.

Apesar de ambos terem ido prestigiar o evento do ídolo rubro-negro, o vice-presidente de futebol deixou avisado que não falaria com a imprensa, já que a entrevista coletiva na parte da tarde havia sido cancelada. As informações foram divulgadas inicialmente pelo jornalista Renan Moura, da Rádio CBN.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Cabe destacar que, a princípio, Rodolfo Landim sequer sabia da entrevista coletiva de Marcos Braz, marcada pela comunicação do Flamengo para a tarde desta terça (26). O mandatário estava na sede da Conmebol, em Assunção, para tratar de assuntos da final da Libertadores com representantes do Palmeiras. Assim que soube do encontro com os jornalistas, o presidente vetou o evento.

A ideia da coletiva era esclarecer os muitos questionamentos da torcida e imprensa envolvendo o Departamento Médico do Flamengo e, sobretudo, o ‘caso Pedro’. Sendo assim, para Landim, não havia motivo para tratar de nenhum assunto polêmico às vésperas de um jogo decisivo.

Em meio à turbulência nos bastidores rubro-negros, o Flamengo se prepara para receber o Athletico-PR, no Maracanã, pelo segundo e decisivo jogo da semifinal da Copa do Brasil. O confronto acontecerá a partir das 21h30 (horário de Brasília) e, em caso de uma vitória simples do Mais Querido, os comandados de Renato Gaúcho se garantem na final do torneio.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Certíssimo, foco total na decisão contra o Patético do Paraná, e sem chilique, entrevista é secundário, a torcida quer a classificação para a final. Não gostou, morde a orelha, as costas, a nuca, a fronha, morde pedra, morde qualquer merda que passa.

  • Que divergência interna?
    Ele apenas não queria um coletiva nesse momento, pois amanha tem uma jogo muito importante, ele não quer tumulto no Ninho, e ele esta certo!
    Vcs das mídias alternativas do Flamengo, são os que mais dão corda pra mídias esportivas, falirem em crise no Flamengo, vcs ficam em cima, parecendo que quer que tudo de errado, só para terem like.