Déjà vu? Flamengo é eliminado com cinco gols sofridos no agregado pelo segundo ano consecutivo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Na última quarta-feira (27), o Flamengo foi eliminado da Copa do Brasil pelo Athletico-PR. Com 5 a 2 no agregado e humilhação perante a Nação no Maracanã, o Rubro-Negro foi bastante criticado em todos os sentidos. Sobre o placar aplicado pela equipe paranaense, há uma curiosidade em relação ao Mais Querido no mata-mata nacional. Isso porque, assim como em 2020, o Mengo saiu da competição com cinco gols sofridos no total.

Em 2020, o Flamengo acabou eliminado pelo São Paulo, logo no começo do trabalho de Rogério Ceni à frente do Mengo. No jogo de ida, o Rubro-Negro perdeu por 2 a 1, e na volta, nova derrota: dessa vez por 3 a 0. Dessa forma, como mencionado, o Mais Querido sofreu cinco gols do ataque tricolor, assim como na série diante do Athletico-PR. A única diferença foram os tentos marcados pelo Fla: dois em 2021 e um no ano passado.

CONFIRA AS ELIMINAÇÕES DO FLAMENGO NA COPA DO BRASIL EM 2020 E 2021:

Em 2020: Flamengo 1×5 São Paulo (2×1 ida e 3×0 volta* confirmar)
Em 2021: Flamengo 2×5 Athletico (2×2 ida e 3×0 volta)

Vale destacar que, mesmo com as eliminações, os treinadores que estavam no cargo não caíram. Como mencionado, Rogério Ceni estreou com o baque, mas logo deu a volta por cima e terminou o ano com o título do Brasileirão. Para Renato, no entanto, a competição mais almejada é a Libertadores. Fora da Copa do Brasil e com treze pontos a menos que o Atlético-MG, líder da liga nacional, a decisão do mata-mata continental diante do Palmeiras parece ser a ‘última esperança’ de Portaluppi.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Apesar da dolorida eliminação, o Mais Querido não tem tempo para lamentar e vira a chave com foco total na disputa do Brasileirão. Nele, em jogo válido pela 29ª rodada do Brasileirão, o Flamengo enfrenta o Atlético-MG neste sábado (30). A partida acontecerá às 19h (horário de Brasília), no Maracanã e contará com transmissão do Coluna do Fla, no YouTube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *