Presidente da Fifa dá detalhes de como funcionará novo Mundial de Clubes

FOTO: DIVULGAÇÃO/FIFA

Não é de hoje que a Fifa estuda a ampliação do número de participantes no Mundial de Clubes. Em recente visita à América do Sul, o presidente da entidade, Gianni Infantino, deu algumas dicas deste planejamento e antecipou, inclusive, que pode envolver diretamente o Brasil.


Como dito, o principal projeto é ampliar o número de participantes na competição com o objetivo de deixá-la mais atraente para o mundo. Sendo assim, a expectativa é de contar com até 24 clubes do mundo todo com este novo formato e, desta forma, favorecendo os campeões dos principais campeonatos nacionais do mundo.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


— A Copa Intercontinental é um troféu que escreveu a história do futebol, mas hoje é muito maior que a Europa e a América do Sul. Eu, como presidente da Fifa, tenho que promovê-la em todo mundo. O que temos que fazer é um verdadeiro Mundial de Clubes, com mais participação de alguns campeões nacionais e não só de competições continentais. Por que não imaginar uma que inclua o campeão da Copa Libertadores, mas também o da Argentina, Brasil ou Uruguai? –, disse Infatino.

A ideia inicial é que o torneio conte com a presença dos campeões das competições nacionais do Brasil, Argentina e Uruguai, além do vencedor da Libertadores, que tradicionalmente já faz parte. Somando com o vencedor do continente sul-americano, anualmente os campeões da Champions League, Champions League Asiática, Champions League Africana, Champions League de Oceania, Concachampions e o ganhador do país anfitrião também participam da disputa pelo Mundial.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Pelo amor de Deus, NÃO façam essa M****!

  • Se tivesse espaço no calendário poderiam fazer uma verdadeira Copa do Mundo de Clubes, com os campeões nacionais dos principais países de cada continente. A propósito, acho que é uma idéia tão válida quando a proposta da FIFA de colocar Copa do Mundo de Seleções a cada 2 anos. Óbvio, o problema de uma Copa do Mundo de Clubes é que os títulos em sua maioria ficariam na Europa de qualquer forma…