Rede Globo pode voltar a transmitir jogos da Libertadores; emissora e Conmebol firmaram acordo nesta terça-feira

FOTO: DIVULGAÇÃO/CONMEBOL

Após longo imbróglio por direitos de transmissão, Rede Globo e Conmebol chegaram a um acordo na Suíça nesta segunda-feira (25). O problema se arrastava desde o ano passado, quando a entidade entrou com uma ação contra a emissora por conta de quebra no contrato de exibição da Libertadores. Com a arbitragem encerrada, a empresa pode voltar à transmitir confrontos do mata-mata continental.

A emissora, como mencionado, deve se fazer presente na rodada de negociações pelos direitos de transmissão da Libertadores. Os contratos serão de 2023 a 2026, visto que a rotina é que os contratos de exibição durem três anos. O SBT, por exemplo, contará com a possibilidade de irradiar os confrontos do mata-mata continental até o ano que vem, já que fechou parceria com a Conmebol pelo mesmo período.

Sobre a questão, a TV Globo emitiu uma nota após confirmar o acordo com a Conmebol: “Conmebol e Globo chegaram a um acordo e decidiram encerrar a arbitragem em curso na Suíça por conta da rescisão do contrato de direitos da Copa Libertadores de 2019 a 2022. O entendimento reforça o respeito que sempre pautou a parceria de longa data entre as instituições.”


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Vale destacar que a edição 2021 da Libertadores já tem os dois finalistas definidos. Flamengo e Palmeiras fizeram boas campanhas e conseguiram se classificar para a final. Por ter obtido os direitos de transmissão da partida, o SBT fará exibição exclusiva na TV aberta. No entanto, o jogão também será difundido pelo Fox Sports, para aqueles que possuem televisão por assinatura.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *