“Se a torcida pode influenciar no resultado, imagina perder os principais jogadores”, dispara presidente do Flamengo

Após o fim da partida entre Flamengo e Athletico-PR neste domingo (03), o presidente do Rubro-Negro, Rodolfo Landim, se manifestou a respeito da decisão da CBF de não adiar os jogos do time durante as próximas datas Fifa. Uma das maiores preocupações do dirigente foi a respeito da ausência de jogadores convocados por suas respectivas seleções.
O mandatário citou a volta do público aos estádios para somar suas críticas à entidade. Isso porque o Fla foi pioneiro no retorno de torcedores, o que causou certa revolta de outras equipes que alegavam, inclusive, “influência” do apoio de adeptos no resultado dos jogos.
– A gente fala muito de isonomia e discutiu muito com presença de público no estádio. Foi uma luta que o Flamengo se envolveu. Se a gente fala o público pode influenciar o resultado de jogo, imagina perder os principais jogadores? É o que acontece com os clubes e principalmente com o Flamengo.
Além disso, Rodolfo Landim revelou ter se reunido com a CBF para discutir a respeito da extensão das competições nacionais, visando um calendário mais justo.

– Sentamos e conversamos com a CBF, tivemos discussões técnicas muito boas, avaliamos todos os aspectos e vimos a possibilidade de extensão até o dia 26. Isso impactaria apenas duas equipes, as finalistas da Copa do Brasil, e até o dia 19 as equipes da Série A, que poderiam ter férias. Permitiria que tivéssemos um calendário mais justo e sem quebra de isonomia-, disse Rodolfo Landim.

 

Como mencionado, sem a paralisação para os jogos das próximas Datas FIFA, o Flamengo terá uma série de desfalques. Entre eles, Gabigol, Everton Ribeiro (convocados para a Seleção Brasileira), Isla e Arrascaeta (Seleção Chilena e na Seleção Uruguaia). Os atletas estarão fora, por exemplo, da partida contra o Bragantino, na próxima quarta (06), pela 24ª rodada do Brasileirão. O confronto será às 20h30 (horário de Brasília), fora de casa.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ingenuidade sua, Landim.
    Depois de anos batendo de frente com a CBFalcatrua, incluindo aí os anos de Eduardo Bandeira de Mello,)e depois de mais recentemente peitar a CBF com esse problema de público nos estádios (apesar dos antis mentecaptos e imbecis acharem que somos “beneficiados” por ela), vc achava que depois de ir lá SOZINHO “conversar” com as cobras peçonhentas sobre a paralisação do Brasileirão eles iriam te atender prontamente?rsrs Vc foi vergonhosamente enganado, Landim! Os caras te sacanearam na boa! Não dá a “impressão” de retaliação, Landim. É retaliação!
    Mas, o que esperar de uma Máfia (com M maiúsculo mesmo), que dos últimos 4 presidentes 3 foram indiciados por corrupção (Marín está preso, e Ricardo Teixeira e Del Nero não podem sair do país senão vão presos tb), e o último está afastado e processado por assédio sexual? Não me diga que vc confiou e confia nesses caras, Landim! kkkkk. Além disso, meu Presidente, vc sabe que desde 2015 eles querem criar uma “hegemonia” paulista no Brasileirão, e que o Flamengo já frustra esses planos há dois anos. Vc esperava o quê dessa gente, Landim?rsrs. E pra terminar, o que vc acha dessas “convocações”? Porque só convocam o goleiro do Palmeiras, se lá eles têm um “timaço” tão bom quanto o do Flamengo? rsrs Porque o Hulk nunca é convocado, se acham que ele agora é o “melhor do Brasil”?rsrs Porquê Willian e Renato Augusto não são “lembrados” atualmente pela CBFalcatrua, apesar de serem da panelinha do Tite faz tempo? E porque diabos, Landim, os jogadores do Flamengo sempre voltam bichados, quando vão pra lá?rsrs. Agora, meu Presidente, até Arão está sendo lembrado….

    Landim, desde os tempos bíblicos, não dá pra confiar em serpentes venenosas. Aprenda de uma vez por todas a lidar com o mundo da bola da mesma forma brilhante com que lida com Administração e Finanças. O Flamengo e a Nação agradecem de coração.

    SRN🔴⚫

  • O Brasil sempre foi e sempre será o país da mediocridade. Essa condição está na raiz do seu subdesenvolvimento. O único clube realmente grande deste país que conseguiu se reestruturar e hoje faz investimentos comparáveis( guardadas as devidas proporções) aos maiores do mundo é o CR Flamengo. Como consequência desse vitorioso projeto de gestão implantado no Mais Querido, a corrupta CBF, a entidade do 7 a 1, une-se a vários clubes falidos do Brasil para perseguir a única agremiação esportiva capaz de fazer o campeonato brasileiro ser um produto viável. Quem assistiu a qualidade técnica primorosa de Liverpool versis Manchester City ontem na ESPN só vai comprar o pacote de TV do Brasileirão se estiver na expectativa de assistir o que esse excelente elenco do Mengão vai fazer na competição. Sem o Mais Querido forte e em igualdade de condições para brigar pelo título, o que os medíocres que sempre atrasaram este país querem, a audiência do tecnicamente fraco Brasileirão vai despencar com a perda de patrocinadores e o fim da maioria dos clubes falidos brasileiros.

  • CBF/MG 2021
    CBF/SP 2022
    CBF, atraso. máfia
    é por isso q é inutil falar em profissionalismo e seriedade de gestao no futebol Brasileiro