Braz abre o jogo sobre situação de Renato no Flamengo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Na última segunda-feira (08), o Flamengo empatou com a Chapecoense por 2 a 2, na Arena Condá, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro abriu o placar, levou a virada e precisou buscar igualar o resultado. Após mais uma má atuação do elenco, o técnico Renato Gaúcho voltou a ser questionado e surgiram boatos de que havia entregado o cargo. No entanto, ao desembarcar no Rio, o vice-presidente de futebol Marcos Braz negou.

— É mentira. Não teve nem próximo disso. A gente demorou bastante lá, porque tem um protocolo de voo. Você não pode marcar um voo de retorno logo após a partida, porque pode acontecer problema de falta de energia, pode acontecer algumas situações que a gente, por questões de segurança, estende quase duas horas a marcação de qualquer protocolo. É mentira isso.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Como dito, Renato Gaúcho voltou a ser questionado, principalmente pela torcida do Flamengo através das redes sociais. A pressão no treinador subiu a partir da queda da Copa do Brasil para o Athletico-PR, além disso, a Nação vê o sonho do título brasileiro ficar cada vez mais distante devido aos últimos resultados. Não à toa, o clima para a Libertadores da América é de muita tensão.

No entanto, em meio a isso, o Flamengo tenta superar a crise e foca no próximo confronto. O Rubro-Negro encara o Bahia, na quinta-feira (11), às 19h (horário de Brasília), no Maracanã, pela 31ª rodada do Brasileirão. Atualmente, o Fla é o terceiro colocado, com 54 pontos, enquanto isso, o líder Atlético-MG possui 65 na pontuação.

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Eu acho que a diretora não tem força para peitar a CBF.
    E com isso o Sr. Gaciba vai continuar com essa sacanagem, lá não tem câmera para gravar o que ele fala, então, eles ( CBF ) já escolheram o campeão (galo) e só não dão troféu pra não ficar mais feio do que já está…

  • Se não demitir esse treinador junto com Marcos Braz a final da libertadores e do Palmeiras…Time descarado

  • Essa diretoria do Flamengo ,em 2019 fez um grande trabalho mas, depois só fez besteira. Dome,Rogério ceni e o pior deles Renato, o cara não tem nenhuma tática de jogo, e o pior tem sempre as mesmas desculpas. A diretoria omissa, preparação física pífia, departamento médico, os amigos do Dr.Tanure, fica muito difícil. O Renato é um falastrao mas, o maior erro é da diretoria que trouxe ele, era só olhar os últimos três anos dele no Grêmio, fala sério né.

  • A diretora está brincando com a cara da torcida, muitos mercenarios querendo aparecer, jogadores que se dizem lendas do clube.
    Gabriel chuta 200 bolas no gol, não acerta passes, briga o jogo inteiro, coloca esse cara no banco, Everton Ribeiro muito mau, vitinho não serve para o Flamengo, bruno Viana muito fraco. Por favor economizem dinheiro, mandem esta tropa embora e joguem com a base. Este time é alugacao, estão tentando jogar com o nome.
    10 jogadores afastados, isso é nott tu normal????? Aí vem um idiota dar entrevista e falar que está tudo certo. Mesmo que o mengao seja campeão da libertadores, esta temporada já é um fiasco. Vergonha.
    Aí querem apoio da torcida.

  • Landim é o melhor presidente em pelo menos 10 anos! Os que pedem sua saída são certamente petistas! Mas Renato não dá!

  • Vojvoda no Flamengo já! Chega de técnico brasileiro enrolador! Sou grato a diretoria, mais está errando demais! Primeiro Dome, depois Rogério, agora Renato? Não dá mais!

  • Futebol apresentado é o nível dessa diretoria… não enganam mais ninguém. Fora Landim, fora Brás e fora, fora, fora Renato. Vai vender DVD na praia.

  • Passada a final da Libertadores, mesmo que o Mengão vença e seja tricampeão, o melhor é demitir o Renato e já pensar em 2022, buscando um bom técnico europeu( pelo amor de Deus, não me venham com um novo Dome!!!!). Foi o que eu postei aqui há uns meses, quando o Mengão perdeu para o Grêmio no Maracanã: o ano acabou para a gente com Renato no comando técnico. Ele é apenas um boleiro, que nunca estudou tática na vida, não sabe organizar um time em campo, não estuda os adversários e mexe muito mal quase todas as vezes. Ele é treinador para um clube sem dinheiro como o Grêmio, que só contrata refugo de outros clubes e briga apenas por Copas. O Flamengo está em outro patamar com sua arrecadação bilionária e investimentos de milhões de euros em vários jogadores.