Cria do Flamengo, Júnior Baiano revela arrependimento por ter jogado no Vasco

FOTO: REPRODUÇÃO

Grandes nomes que atuaram no Flamengo também vestiram a camisa de algum rival, como é o caso de Júnior Baiano. O ex-zagueiro defendeu o Vasco após a passagem com o Manto Sagrado. Quem teve participação na ida do defensor para o Cruzmaltino foi a dupla Romário e Edmundo, no entanto, apesar de ter aceitado o convite, o jogador revela ter tido uma ‘resistência’ na decisão.

Em entrevista ao podcast ‘Flow’, Júnior Baiano revelou que não queria ter atuado no Vasco, visto que declarou o seu amor para o Flamengo. No entanto, naquela ocasião, Rubro-Negro não demonstrou interesse no retorno do zagueiro, que, por sua vez, atendeu a uma ligação de Romário e Edmundo e seguiu caminho para São Januário.

— Não teve jeito [de não ir para o Vasco]. Eu também sou torcedor do Mengão, mas o Flamengo não me queria, eu tive que ir para o Vasco. Eu estava no Palmeiras, tinha contrato para mais um ano, e estava super tranquilo no Palmeiras já adaptado e a Parmalat estava saindo. Aí tinha que desovar a galera, né, para diminuir os custos -, antes de continuar:

— E o Vasco, na verdade o Romário e o Edmundo ligaram para mim, os dois ligaram para eu ir pra lá e o Romário tinha acabado de ir para o Vasco. Ele ligou para mim, disse que o Vasco ia fazer um timão e tal. Na verdade eu não queria ir não porque tinha aquela rivalidade toda entre Vasco e Flamengo e eu, como torcedor do Flamengo, não queria -, finalizou.


Camisas do Flamengo, acessórios e muito mais: compre e ganhe brindes na melhor loja online do Mengão!


Como dito, o zagueiro revelou que, na época, ligou para Gilmar Rinaldi, superintendente de futebol do Flamengo, e se ofereceu para retornar ao Rubro-Negro. Júnior Baiano apontou, inclusive, que abriu mão dos valores, porém, o Mais Querido descartou a contratação.

— Eu lembro que conversei com um diretor do Flamengo, o Gilmar Rinaldi, expliquei o que estava acontecendo e falei “pô, vê se eu consigo voltar pro Flamengo, não precisa pagar nem mais, a mesma coisa está maneiro”. Ele falou que ia resolver mas não resolveu p… nenhuma, não me ligou, não me deu satisfação, nada. Aí eu fui pro Vasco, tive que fechar com o Vasco.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Desdenhar de toda uma torcida é uma coisa; outra bem distinta é desdenhar de 1/2 dúzias de babacas na arquibancada vestidos de torcedores do Flamengo. Nesse caso, apóio!

  • Como disse o amigo Anderson, ama tanto que desdenhava do Flamengo nos times que passava , agora quer aparecer na aba do Mengão

  • Esse daí nunca amou o flamengo, quando jogava por outro time desdenhava o nossa torcida, chegou a fazer dedo do meio pra nossa torcida quando jogava no tetrarebaixado… saí pra lá maluco, vai se apoiar em outro lugar q aqui não é bem vindo

  • Gosto do Júnior bahiano, mas tá de sacanagem fazer tal comentário… é profissional e foi e iria se lhe pagasse melhor e se lhe quisesse na equipe. Agora, é cuspir no prato de quem lhe empregou… olha que seu mengão desde anos 80, mas vejo que tais palavras dele é apenas querendo holofotes. Como se Ronaldo falasse agora que não queria ter ido ao Corinthians e sim ao Flamengo. Me poupe de certos comentários. Mengão sempre!!!