Ex-capitão do Flamengo revela detalhes e aponta culpado por saída conturbada do clube

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/ FLAMENGO

O Flamengo conta com jogadores que marcaram época no clube e que contribuíram na história do Mais Querido. Um desses nomes é Léo Moura, o ex-lateral direito atuou durante dez anos no Rubro-Negro e foi dono da posição em boa parte desse tempo. Em 2015, teve uma despedida conturbada e, em entrevista ao “Cara a Tapa”, do jornalista Rica Perrone, revelou mágoa do técnico Vanderlei Luxemburgo é um dos responsáveis pela saída.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Atualmente, o ex-jogador tem 43 anos revela que o culpado de ter iniciado seu adeus do clube foi o comandante. Segundo Léo Moura, Luxemburgo estaria planejando trazer o lateral Pará, que atuou até 2019 no Mengo. Esse foi um ponto que foi minando a paciência do atleta que mesmo triste pediu para não atuar em outro clube do Brasil e foi para os Estados Unidos.

Não concordei (com a redução), tinha mais de 10 anos de clube. Faltou um pouco de respeito. Naquele momento, já sabia que o Luxemburgo não queria contar comigo. É… pelo que dava para entender.. Ele tinha articulado para trazer o Pará. Eu confio em mim, tinha o contrato… eu vou jogar, mas chegou um momento que minha vida toda eu ia pro treino com o maior prazer, saía de casa feliz. Chegou um certo momento que eu tava indo ‘de novo, tem que ir lá‘, disse antes de completar:

Ele conseguiu me tirar esse… exatamente [foi me minando]. Foi desgastando, eu não preciso disso, tenho mais de 500 jogos, sou o sétimo que mais vestiu a camisa do Flamengo, não posso passar por isso. As coisas foram acontecendo. Eu nem quis sair de dinheiro, nada… Eu fui para receber US$ 5 mil. Eu precisava sair do Flamengo. Eu não queria jogar em outro time [do Brasil]“, completou o ex-jogador.

Com mais de 500 jogos pelo Flamengo, o lateral é um dos que mais vestiram o Manto Sagrado na história da equipe. Conquistou alguns títulos importantes como o Brasileirão 2009 e as Copas do Brasil (2006 e 2013). Além disso, foi convocado para a Seleção Brasileira em 2008, quando vivia o auge na equipe Rubro-Negra.

Depois do Flamengo, o atleta jogou pelo Metropolitano, Santa Cruz e Grêmio. Teve passagens curtas pelos Estados Unidos e Índia. Além disso, o jogador se aposentou recentemente, em 2020, a serviço do Botafogo-PB.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Léo, sou seu fã, mas também não esqueço dos episórios referentes a panelas no elenco. Lembro-me na época que existiam duas panelas fortes: a do Renato Abreu e a do Léo Moura. Na minha visão, a direção quis mesmo é quebrar esses grupinhos que acabam minando o grupo e promover um ambiente mais sadio. Anos depois, o elenco foi reformulado, o Diego Ribas e o Éverton Ribeiro foram contratados e atualmente, temos um dos melhores ambientes no Brasil!

  • Conversa fiada. Não queria ficar porque o Luxa queria trazer o Pará, mas se ele diz confiar no próprio taco qual o problema de ter um concorrente então? Hoje temos Isla, Matheus, Rodinei e tem gente pedindo o Rafinha. Imagina se o Isla vai dar chilique porque tem muitos laterais e isso tira o prazer dele de jogar. Papinho de corno, não convence ninguém. Por fim, reclamar do clube querer abaixar o salário porque tinha sei lá quantos jogos pelo Flamengo é no mínimo brincadeira. Salário é pelo resultado que entrega em campo, não por tempo de casa. Se fosse assim o Cássio seria o mais bem pago do futebol brasileiro.

  • Quase jogou no vasco! Foi até anunciado, depois desistiu.
    Foi ídolo, esta na historia do Flamengo, mas esse papinho de amor nao cola.
    Dizer que nao queria outro clube no Brasil ….

  • Não queria sair pra outra equipe do Brasil? O cara foi logo pro Vasco, fez uma ponte no EUA e caiu pros caras de segunda….

  • Simplesmente, a nossa vida é dotada de Escolhas e Conseqüências.

  • Vc tinha tudo para acabar a carreira como ídolo do Mengão,porém a ganância por dinheiro aliado ao pensamento que estaria deixando. O clube naquele momento sem,nenhuma necessidade,cuspindo no prato que comeu,assim como fez Rafinha e Everton que deixou o clube achando que iria estourar no São Paulo e quebrou a cara,vi várias vezes vc fazer cachota com agente até o cheirinho vc fez quando estava no Grêmio,agora que o Flamengo e outro patamar quer agora dizer que ama o clube,que não queria sair etç querendo cavar algo e tentando resgatar uma imagem que vc mesmo jogou fora,vc é mercenário seja homem e assuma sua postura,assuma seus errosne esqueça o Mengão porque ninguém tem saudades sua aqui,entrou pela porta da frente e saiu pelos fundos,mal caráter…