Paulo Sousa revela que aguarda reforços no Flamengo

Treinador do Mengão também comentou sobre esquema tático a ser utilizado no Mais Querido


Nesta segunda-feira (10), o técnico Paulo Sousa foi apresentado de maneira oficial no CT Ninho do Urubu. E, como de costume, houve uma coletiva virtual aberta à jornalistas, a fim de esclarecer algumas questões pertinentes para o futuro do clube. Uma delas foi em relação aos reforços que ainda não chegaram ao Mais Querido. Sobre o assunto, o português confirmou que o Flamengo tem o melhor elenco da América, mas que ainda pode melhorar bastante.

Como eu disse, o nosso elenco é, para mim, um dos melhores, senão o melhor, da América. Pode melhorar e penso que vai melhorar muito. É com esse espírito que começo, eu como líder principalmente. Foram identificados, no meu entender, algumas posições, que com campeonato longo e momentos de seleção, junto à necessidade de manter o alto nível, algumas carências que o clube já conhece e estamos buscando no mercado – disse, antes de completar:

Mas nosso elenco, neste momento, tem muita qualidade para seguir disputando e brigar pelo títulos. Temos vários jogadores de frente, mas a amplitude pode ser dada por laterais ou pelos homens de frente, só isso já muda a dinâmica e a mudança da ocupação de jogo, em termos de linha, de amplitude. A grande diferença é o protagonista que vai estar neste espaço de campo – analisou.

Além disso, o treinador também frisou o esquema tático em que deve atuar o Mais Querido. Mesmo com alguns rumores sobre três zagueiros, Paulo Sousa comentou sobre a força do elenco rubro-negro e que pode aplicar qualquer estilo de jogo que, mesmo assim, os atletas tem a capacidade de fazer dar certo.

Para mim, o esquema tática é 1433 ou outros esses esquemas não são dinamicos, quem dá qualidade de jogo são os protagonistas e o tempo de ocupação. O esquema não é o mais importante, mas vamos buscar a inteligencia dos nossos jogadores para que eles entendam a necessidade de ocupação, quero que seja uma equipe com capacidade de controle de jogo com bola, o mais tempo possível da área adversária, e que ao perder a bola recupere o mais rápido possível. Temos que trabalhar isso e é mais importante do que o esquema tático – comentou, antes de finalizar:

Há chance de vermos com três zagueiros ou dois zagueiros e um volante, mas o importante, como eu disse, em uma primeira fase de construção, é de sair da pressão contra times que podem fazer pressão alta. Tem equipe que não tem a mesma qualidade e baixa o bloco, então temos que ter essa opção de saída para linhas mais baixas, para mantermos jogadores que façam diferença nas linhas laterais e meio também. A inteligencia dos nossos jogadores será fundamental, terão entendimento do que temos que fazer, para fazer em qualquer momento do jogo – concluiu.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *