Clubes participantes da nova Liga do Futebol Brasileiro negociam direitos de transmissão com Globo e Amazon

Criadores do torneio se antecipam e tentam negociar com duas emissoras

Os clubes que são os criadores da nova Liga do Futebol Brasileiro, junto com o BTG Pactual, empresa que está no negócio, já se anteciparam e iniciaram as conversas com a TV Globo e a Amazon para discutir venda de transmissão do torneio. Segundo a GOAL, há discursão nos bastidores para que as duas empresas se responsabilizem pela veiculação da nova competição.

As conversas são comandadas pela empresa BTG Pactual, mas tem o aval dos seis clubes que se responsabilizaram pela criação da Liga do Brasil (LIBRA) – Corinthians, Flamengo, Palmeiras, Red Bull Bragantino, Palmeiras, Santos e São Paulo. Os outros dois clubes que aderiram ao projeto, Cruzeiro e Ponte Preta, também sinalizaram positivamente com as duas empresas de veículos de comunicações.

Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!

A Amazon pode se responsabilizar por transmissões do novo Brasileiro por meio de streaming, enquanto a Globo ficaria encarregada por imagens pela televisão. Um processo que vai vem sendo discutido e é possível que o acordo seja fechado antes mesmo que outros clubes se associem, dando adesão à Liga do Brasil.

É importante destacar que o principal empecilho para a criação da Liga é a distribuição de cotas de TV da competição, visto que Flamengo e Corinthians pretendem manter a atual quantia recebida. E em meio a essa situação, o presidente do Athletico-PR, Mauro Petraglia, acabou se exaltando na reunião e, disse acreditar que seria apenas um encontro para tirar às dúvidas do projeto. Logo em seguida, o dirigente criticou a postura de Flamengo e Corinthians: “joguem sozinhos entre eles.”

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • O que é Atlético Paranaense na fila do pão? Nunca foi grande