Pablo revela namoro antigo com Flamengo e se impressiona com a Nação: “Gigantesca”

Jogador chegou ao Flamengo em março, mas lesões impediram sequência no time titular


Contratado para assumir a titularidade na zaga do Flamengo, Pablo já era namoro antigo do clube. Em entrevista ao Vaca Cast, na última quinta-feira (12), o jogador revelou que hvai chegado a um acordo verbal com o Rubro-Negro em 2018, mas a negociação não avançou. Agora, contratado pelo Mengo, o zagueiro se disse impressionado com a dimensão da Nação. 

O Flamengo é um namoro muito antigo. Na época que eu saí do Corinthians, eu tive uma proposta do Flamengo, em 2018, e muitos achavam, até os torcedores do Corinthians, que eu estava fazendo leilão na época, porque eu não tinha renovado o contrato e assim que o Corinthians tinha desistido da contratação eu fui escutar outros clubes. Escutei o Flamengo, a gente fechou o contrato rápido, só que eles tinham que comprar do Bordeaux e já não tinha uma cláusula de venda, porque o Corinthians tinha um valor de compra estipulado de 13 milhões de euros — afirmou Pablo, antes de completar:

Então, só o Corinthians poderia pagar esse valor, eu já estava muito valorizado na época. O Bordeux podia decidir quanto eles poderiam me vender, só que eles estavam precisando de mim e não aceitaram a proposta. Quando chegou no final do meu contrato com o Bordeux, teve outra especulação com o Flamengo, só que eu fechei com o Lokomotiv — declarou o zagueiro.


Saiba como lucrar com apostas esportivas!


Sobre a pressão de defender o Flamengo, Pablo tenta encarar com normalidade. O jogador, inclusive, parece encantado com a torcida rubro-negra. Na entrevista no YouTube, ele rasgou elogios à Nação e agradeceu o acolhimento em sua chegada ao clube. 

A torcida me recebeu bem demais. A torcida do Flamengo é gigantesca, mesmo jogando fora, parece que estamos em casa. É incrível. A pressão é grande de acordo com o tamanho, às vezes exagerado? Pode ser que sim, mas é uma torcida apaixonante, muito vibrante, calorosa, que recebeu a gente de braços abertos — disse o defensor. 

Pablo, contudo, já sofreu duas lesões desde que chegou e ainda não conseguiu uma sequência no time titular. Na última quarta-feira (11), contra o Altos-PI, o zagueiro atuou por toda a segunda etapa e fez atuação segura. Agora, a tendência é que o jogador continue à disposição de Paulo Sousa para encarar o Ceará, pelo Brasileirão.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *