Lesão de Bruno Henrique abriu espaço para contratação de Luis Henrique

Direitoria do Flamengo avançou pelo atacante do Olympique de Marselha após cirurgia do camisa 27


Por: Leonardo José

Luis Henrique entrou no radar do Flamengo logo após a confirmação da grave lesão de Bruno Henrique. O camisa 27 passou por cirurgia no joelho direito e ficará afastado dos gramados de dez a 12 meses. Sabendo disso, a diretoria do Fla avançou no mercado por outro atacante que atue pela esquerda, mesmo já fechado Everton Cebolinha.

A lesão de Bruno Henrique barrou a ideia do Flamengo ter dois pontas pela esquerda de alto nível, incentivando a competição interna no elenco. Com o tratamento cirúrgico na agenda do camisa 27, a titularidade pelo lado esquerdo do ataque rubro-negro caiu no colo de Everton Cebolinha. Apenas com Lázaro como concorrente no plantel, os dirigentes entenderam que seria necessário um atleta com uma dose de experiência maior.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


No mapeamento feito pela diretoria do Fla, Luis Henrique surgiu com opção, segundo apuração da reportagem do Coluna do Fla. Sem conseguir se firmar no Olympique de Marselha (FRA), o atacante de 20 anos marcou apenas um gol em 49 partidas na França, tendo média de 34 minutos por jogo. É justamente essa falta de sequência no velho continente que despertou o desejo do jovem em voltar ao futebol brasileiro.

Sabendo da vontade de Luis Henrique de retornar ao Brasil, o Botafogo até que tentou uma investida, mas, logo em seguida, o Flamengo apareceu na jogada, mudando os caminhos do atleta. Tendo em vista o bom momento do Rubro-Negro no cenário esportivo nacional, a expectativa do jogador e de seu estafe é de que o Mengão possa servir de vitrine para o futebol do ponta esquerda.

Após dar o “sim” para o Flamengo, Luis Henrique abriu os caminhos para a diretoria rubro-negra avançar as negociações em direção ao clube francês. Agora, nesta segunda-feira (4), o Olympique de Marselha (FRA) aceitou o pedido do Mengão e aceitou a liberação do atacante por empréstimo. Dessa forma, o atleta pode encerrar as férias na Paraíba, junto com a família, para viajar ao Rio de Janeiro e fechar os últimos detalhes.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *