Dorival destaca evolução do Flamengo e alerta sobre jogo contra Corinthians: “Não podemos vacilar”

Rubro-Negro chega a quinta vitória seguida no Brasileirão


Com amplo domínio, o Flamengo venceu por 2 a 0 o São Paulo, neste sábado (06), pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após o embate disputado no Estádio do Morumbi, o técnico Dorival Júnior avaliou o trabalho que faz à frente do Mais Querido e analisou a vantagem do Rubro-Negro no segundo confronto da equipe contra o Corinthians, pela Libertadores.

O trabalho está dando resultado. A equipe está alcançando maturidade e regularidade. Alguns jogadores estão crescendo e buscando o espaço. As duas equipes (time ‘alternativo do Flamengo) têm uma semelhança grande na forma de jogar, às vezes mais pelo o meio, às vezes aberto. Com tudo isso a equipe vem se ajustando e conseguindo resultados, o que acelera a recuperação — declarou, antes de concluir:

Uma vantagem que pode ser importante nos últimos cinco minutos da partida. Mas temos obrigação de fazer um jogo claro e determinado. É um adversário que fez uma vitória há 10, 15 dias atrás contra a nossa equipe. Fizemos sim um resultado importante, mas o futebol prega muitas peças e não podemos vacilar. E já começamos a preparação no dia seguinte à primeira partida — finalizou o treinador.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!



Vale destacar que, desde a chegada de Dorival Júnior, o elenco do Flamengo teve uma mudança de comportamento e de resultados na temporada. Com esse triunfo conquistado na partida deste sábado (06), o Mais Querido chegou à terceira posição do Brasileirão, com 36 pontos, ficando a seis do líder Palmeiras.

O próximo compromisso do Flamengo ,pelo Brasileirão, acontece no domingo (14), contra o Athletico-PR, às 16h (horário de Brasília), no Estádio do Maracanã. Porém, antes deste embate, o Mais Querido volta a ação, desta vez, pela Libertadores.

Na terça-feira (09), o Flamengo encara o Corinthians, às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio do Maracanã. O confronto será válido pelo segundo e decisivo jogo das quartas de final da Libertadores. Com a vantagem do 2 a 0 conquistada na Neo Química Arena, o Mais Querido pode perder por até um gol de diferença que, mesmo assim, avança para a semifinal da competição continental.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Quanto a aceitação do trabalho do TÉCNICO, elementar, caro Watson! Vc ouve um maluco dizendo p vc atravessar na via cheia com o sinal aberto…, e o outro, mais confiável,cê confiante: não cara, espera um pouquinho q o sinal já vai fechar. Pergunta: qual dos dois o jogador, do flamengo, irá seguir? O maluco?! Agora imagine só, o jogador JOGANDO no lugar mais difícil de jogar, em todos os sentidos, p exemplo, PRESSÃO o tempo todo, de todos os lados, e ele tendo q fazer o q não ele, seus companheiros, a mídia, a torcida, enfim, q todos discordam, e só prevendo o q vai dar, durante o jogo, depois, e no próximo… Outra, quem é q gosta de ser comandado POR UM DITADOR, UM TÉCNICO QUE VAI TE OBSERVAR O TEMPO TODO. SENDO Q, SE NÃO BASTASSE O TÉCNICO, AINDA JÁ HAVIA POR ATRÁS OUTROS, 3?, TAMBÉM MUITO MAIS, DITADORES, rancorosos…, frescos?!, deslumbrados, FANFARRÕES?, q a QQ momento poderiam ir contra a favor do querinho, do TÉCNICO do MARCOS BRAZ?… Daí o diagnóstico da doença q acometeu o time todo. E q acabou c a paz de todos.

  • Parabéns NOVO MISTER, DORIVAL JÚNIOR! Quem poderia imaginar que o velho DORIVAL visto por poucos iria arrumar conseguir fazer 2 times bons no flamengo?! A e B! Solução brasileira criativa e cheia de nuances, e ao mesmo tempo… Simplicidade?! Esse é o DORIVAL!