Saldo positivo: Flamengo ganha força no mercado de transferências europeu

Rubro-Negro fechou com quatro reforços que deixaram o futebol do velho continente


Por: Leonardo José

A janela de transferências internacional fechou na última segunda-feira (15). O Flamengo contratou quatro nomes para reforçar o elenco de Dorival Júnior para este ano: Everton Cebolinha, Vidal, Pulgar e Varela foram acrescentados ao plantel. Dessa forma, além de ir longe com outras negociações, o Rubro-Negro consolida a marca e a presença no mercado estrangeiro.

Além das quatro contratações, o Flamengo esteve muito perto de fechar com Walace, volante de 27 anos, que é considerado peça importante para o elenco da Udinese (ITA). Outro jogador, da mesma posição, que despertou interesse do Fla foi Wendel, de 24 anos. Este, no entanto, renovou contrato com o Zenit (RUS) e não acertou com o Mengo. Já Oscar, ídolo do Shanghai Port (CHN), foi o alvo do Mengo em outro mercado, o asiático, mas o meia não conseguiu liberação do time chinês para ser emprestado ao Rubro-Negro.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Essas três tentativas iria compor a ‘janela dos sonhos’ do vice-presidente Marcos Braz caso fossem concretizadas. Entretanto, as quatro contratações fechadas marcaram a presença do Mengão na Europa, que gastou ‘apenas’ 16,5 milhões de euros em transações entre clubes para contar com o quarteto.

QUARTETO DE REFORÇOS VINDO DA EUROPA

Everton Cebolinha foi o mais caro dos quatro, custando 13,5 milhões de euros (cerca de R$ 70,4 milhões) aos cofres do Flamengo — tal valor pode chegar a 16 milhões de euros (R$ 85,6 milhões) caso metas sejam cumpridas. Aos 26 anos, o atacante do nível de Seleção Brasileira preferiu sair do Benfica (POR) para jogar no Mengão.

Arturo Vidal também optou por sair da Europa e fechar com o Mais Querido. Mesmo com propostas de Galatasaray (TUR) e Besiktas (TUR) na mesa, após sair da Inter de Milão (ITA), o volante chileno escolheu o Flamengo. Erick Pulgar seguiu o mesmo caminho do compatriota e deixou o futebol italiano, da Fiorentina (ITA), para vestir o Manto Sagrado, custando cerca de 3 milhões de euros (R$ 15,6 milhões) ao Fla.

Último dos quatro reforços, o lateral direito Guillermo Varela foi mais longe, e acionou mecanismo da Fifa para sair do Dínamo de Moscou (RUS) e assinar com o Flamengo. Isso fez com que o Rubro-Negro não precisasse pagar um real ao time russo para ter o uruguaio de 29 anos por empréstimo.

  • Everton Cebolinha (26 anos): custou € 13,5 milhões (R$ 70,4 mi)
  • Arturo Vidal (35 anos): sem custos após sair da Inter
  • Erick Pulgar (28 anos): custou € 3 milhões (R$ 15,6 mi)
  • Guillermo Varela (29 anos): sem custos após suspender contrato com Dínamo
  • Total: € 16,5 milhões (R$ 86,2 mi)

Observação: valores de transação entre clubes.

PRESENÇA NO MERCADO INTERNACIONAL

Com todos esses nomes de peso, os quatro com passagens por suas respectivas seleções, o Flamengo crava presença no mercado de transferências internacional. Tal movimentação é uma forma da marca rubro-negra ser fixada fora do Brasil. A tentativa por Oscar, inclusive, movimentou o noticiário esportivo do país mais populoso do planeta, porém, o Shanghai Port não cedeu o meia. Mesmo assim, o Mengão fecha a atual janela de uma forma avaliada como positiva pela diretoria rubro-negra.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *