Paquetá revela como torce pelo Flamengo na Europa e projeta finais: “Não tem jogo fácil”

Cria do Ninho lamenta fuso horário e torce por dois títulos


Uma vez Flamengo, sempre Flamengo. A letra do hino rubro-negro é levada ao pé da letra por Lucas Paquetá. Mesmo morando em Londres, onde atua pelo West Ham (ING), o meia garante que acompanha os jogos do Mais Querido, apesar do fuso horário de quatro horas de diferença. Atualmente com a Seleção Brasileira para dois amistosos, o Cria do Ninho projetou as finais da Copa do Brasil e Libertadores da América.

O fuso atrapalha um pouco, mas estou sempre acompanhando os jogos do Flamengo. Sou muito grato por tudo que vivi e continuo na torcida, continuo sendo torcedor. Espero que ganhe as duas (finais), né?! Como torcedor, eu quero ver o Flamengo campeão de qualquer competição que entrar. Eu acho que final não tem jogo fácil, final é sempre disputada, os dois times mereceram estar ali. Mas eu espero sempre que o Flamengo ganhe — disse Paquetá, em entrevista na zona mista do Estádio Océane, na França, onde o Brasil treinou nesta quinta-feira (22).


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Ainda no bate-papo com os jornalistas, Lucas Paquetá abordou a questão polêmica da última semana envolvendo o amigo e também Cria do Flamengo Vinicius Júnior, sobre as danças após as comemorações de gols. Adepto aos ‘passinhos’ desde os tempos de categorias de base do Mais Querido, o meia prometeu que novas coreografias estão por vir no futuro.

Algo que a gente lamenta muito. É muito triste a gente ainda sofrer com esses atos. É uma essência nossa, a gente dança desde moleque, acho que é a alegria de fazer um gol, comemorar entre a gente. Não é desrespeito algum. Podem esperar que vão vir muitas danças — acrescentou o meia.

Lucas Paquetá e Vinicius Júnior entram em campo nesta sexta-feira (23), em Le Havre, para amistoso contra Gana. O duelo acontece às 15h30 (horário de Brasília) e serve como penúltimo amistoso preparatório para a Copa do Mundo, em novembro, no Catar. O Brasil joga ainda no dia 27, diante da Tunísia. É bom ressaltar que, além dos crias, o Flamengo é representado na Seleção Canarinho por Pedro e Everton Ribeiro.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *