Flamengo vê Vítor Pereira capaz de brigar por todos os títulos em 2023, especialmente o Mundial

Além do Mundial, Flamengo disputará outros seis torneios na próxima temporada


A temporada de 2022 chegou ao fim com o Flamengo campeão da Copa do Brasil e da Libertadores da América. Planejando 2023, a diretoria rubro-negra optou por não renovar o contrato com Dorival Júnior e, por isso, tem Vítor Pereira, ex-treinador do Corinthians, bem encaminhado para o cargo.

Isso porque, o Flamengo vê Vítor Pereira capaz de brigar por todos os títulos que o Mais Querido irá disputar na temporada de 2023, especialmente o Mundial de Clubes. Vale lembrar que, além da chance de ganhar o mundo de novo, o Rubro-Negro terá outros seis torneios pela frente: Campeonato Carioca, Brasileirão, Copa do Brasil, Libertadores da América, Supercopa do Brasil e Recopa Sul-Americana.


Clique aqui e ganhe R$50 de bônus para jogar no galera.bet


Desse modo, com sete campeonatos a serem disputados em 2023, o Flamengo vê Vítor Pereira como treinador ideal para assumir a vaga deixada por Dorival Júnior. Cabe ressaltar que, Marcos Braz, vice-presidente do Fla, e Bruno Spindel, diretor executivo do clube, estão à frente da negociação com o português.

Os dirigentes rubro-negros ofereceram 4 milhões de euros (cerca de R$ 22 milhões) por contrato de um ano, com possibilidade de renovação. A expectativa é de que o acordo seja fechado nos próximos dias. No entanto, como a reapresentação do Flamengo é apenas no dia 26 de dezembro, as partes seguem cautelosas para um possível anúncio.

Isso porque, como Vítor Pereira tem vínculo com o Corinthians até o fim deste ano, o Flamengo e o português desejam minimizar os possíveis conflitos com o time paulista. Dirigentes do Alvinegro, inclusive, ficaram incomodados com as tratativas entre o Fla e o treinador.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Vamos lá! Chegou o momento de arrumar a casa colocando tdas as peças no seu devido lugar. Não temos mais “PANELEIROS” conspirando e mandando dentro dos vestiários e, a rapaziada que ficou tem que ter consciência das suas responsabilidades e entender que teremos pela frente muitas torneios importantes pra conquistar. A queda de rendimento no final do brasileirão foi decepcionante.