Flamengo aponta 3 motivos para receber mais que rivais por direitos de transmissão do Carioca 2023

Valores por direitos de transmissão do Carioca 2023 geram polêmica nos bastidores da Ferj


O Campeonato Carioca 2023 está movimentando os bastidores do futebol no Rio. Dos quatro grandes da capital, apenas o Flamengo aceitou a proposta referente aos direitos de transmissão do Estadual. Botafogo, Fluminense e Vasco alegam que o Rubro-Negro é beneficiado ao receber R$ 18 milhões, bem mais que os R$ 9 milhões oferecidos a cada um do trio. Nesta terça-feira (06), o Fla apontou três motivos para arrecadar o dobro dos adversários: torcida, pay-per-view e redes sociais.


Clique aqui e ganhe R$50 de bônus para jogar no galera.bet


VEJA TRECHO DA NOTA DO FLAMENGO:

“TORCIDA: A torcida do Flamengo, em pesquisa publicada recentemente, representa 21,8% da população brasileira. Os outros três grandes times cariocas (Vasco, Botafogo e Fluminense) somados, representam 6,6%. Isto dá ao Flamengo uma participação de 76% do total de torcedores quando colocamos lado a lado os quatro grandes clubes do Rio.

PAY-PER-VIEW: A participação do Flamengo sempre representou 20% do mercado nacional e 60% do mercado carioca. Nos últimos dois anos, em contrato fechado diretamente pelos clubes cariocas com as distribuidoras de TV paga, mostrou-se um número ainda mais expressivo: 63% do total para o Flamengo, restando 37% para Botafogo, Fluminense e Vasco.

REDES SOCIAIS: O número de seguidores do Flamengo em suas redes sociais já ultrapassa hoje 50 milhões contra pouco mais de 20 milhões dos demais três grandes clubes do Rio somados. Ou seja, uma participação de 70% do total.”

MOTIVO DA POLÊMICA

Na primeira conversa sobre o acordo de transmissão, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) ofereceu R$ 15 milhões para o Flamengo e R$ 10 milhões para Fluminense, Vasco e Botafogo, cada. Neste modelo, a dupla Fla-Flu recusou, mas o Alvinegro e Cruzmaltino gostaram. Como não houve um acordo de todas as partes, a federação refez a proposta.

O jornalista Gilmar Ferreira, do jornal ‘Extra’, divulgou que o Flamengo fechou acordo com a Ferj para receber R$ 18 milhões. Entretanto, na contramão, os outros três ficariam com R$ 9 milhões, cada. Essa nova oferta da Brax Sports Assets, empresa que negocia pela federação do Rio os trâmites com as emissoras, foi prontamente recusada por Fluminense, Vasco e Botafogo, que acusam o Rubro-Negro de ser privilegiado nos bastidores.

Enquanto as partes não chegam a um acordo, os clubes se movimentam nos bastidores para tentar atender a seus interesses. Lembrando que a própria Brax Sports Assets diz que o Flamengo é um “atrativo fundamental para o evento”, e que sem o Mengo, os valores cairiam “consideravelmente”.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Simples é só a federação vender a cota fatiada para outras emissoras e pagar o preço que o flamengo deseja, quanto ás cotas da TV fechada, tudo para o Flamengo e o resto fica coma sobra dos ossos.