Última cartada: Boca faz proposta tentadora para manter Rossi, alvo do Flamengo

Dirigentes do Flamengo estão na Argentina para tentar contratar Rossi


A ‘novela’ Rossi, que parecia estar nos capítulos finais, ganhou mais uma cena neste sábado (07). Apesar do acordo encaminhado com o Flamengo, o Boca Juniors (ARG) enviou nova proposta de renovação para o goleiro, com ajustes solicitados pelo atleta. Agora, está nas mãos do arqueiro a decisão de embarcar para o Brasil ou seguir em Buenos Aires. Representantes da diretoria do Fla estão na Argentina para fechar com o jogador.

A oferta de última hora do Boca Juniors deixaria Rossi com 45% dos direitos na mão do jogador e cláusula de saída, que é de 18 milhões de dólares (R$ 94 milhões na cotação atual), cairia para 5 (R$ 26 milhões). As informações foram divulgadas pelo portal argentino TYC Sports.


Camisas do Flamengo, acessórios e muito mais: compre e ganhe brindes na melhor loja online do Mengão!


Rossi tem vínculo com o Boca Juniors até a metade de 2023. Sendo assim, o jogador já pode assinar um pré-contrato com outro clube. O Flamengo tem a ‘papelada’ pronta para o arqueiro fechar com o Mais Querido, pelo menos para o segundo semestre do ano, sem custos. Até uma proposta é estudada para liberação imediata.

Na tarde deste sábado (07), o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, e o diretor executivo da pasta, Bruno Spindel, se reuniram com o estafe de Agustín Rossi, em Buenos Aires, na Argentina. O goleiro, por sua vez, está com a delegação do Boca Juniors (ARG) em San Juan, onde enfrenta o Independiente (ARG) em jogo amistoso. A depender dos andamentos da negociação, pode ser a despedida do atleta na equipe.

O Flamengo prioriza a contratação de um goleiro, após a saída de Diego Alves e a iminente venda de Hugo Souza para o Vissel Kobe, do Japão. Rossi tem 27 anos e é atleta do Boca Juniors desde 2017. No período, o arqueiro foi emprestado em duas oportunidades, para o Antofagasta (CHI) e ao Lanús (ARG).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Acredito que este cara ganha a titularidade do santos.

  • Momento difícil pro jogador. Ficando no Boca, além dos valores agora prometidos, ele pode ter mais chances de atuar como titular. Se descarta a proposta do Boca fica taxado pra sempre no clube como ingrato e mercenário. Por outro lado, o Boca demorou muito a reconhecer seu valor com a devida valorização financeira e só está fazendo agora por saber que ele pretende ir para onde ele terá essa valorização. E ainda tem o fator “vitrine” que no Flamengo dará a ele muito mais visibilidade com as maiores chances de conquistas. Enfim, difícil, mas torço que decida vir.