Flamengo vence Real Brasília e está na final da Supercopa Feminina de Futebol

Flamengo enfrentará Corinthians ou Internacional na decisão


O Flamengo está na final da Supercopa Feminina de Futebol. Nesta quarta-feira (08), as meninas da Gávea venceram o Real Brasília, por 3 a 2, pela semifinal do torneio. A partida foi realizada no estádio da Portuguesa da Ilha do Governador, o Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro. Agora, o Mengão aguarda o classificado, que será disputado em duelo entre Corinthians e Internacional. A grande decisão acontece no próximo domingo (12), em horário a ser confirmado pela organização da competição.

A partida foi emocionante do início ao fim. Logo aos oito minutos, Karla Alves abriu o placar para as visitantes. Duda empatou aos 43’ da etapa inicial. No segundo tempo, Sole Jaimes marcou duas vezes e virou o marcador. O Real Brasília até fez mais um gol, aos 15’, com Gaby Soares, mas não o suficiente para avançar de fase. Com o resultado, o Flamengo garantiu uma vaga na final da Supercopa Feminina pela primeira vez na história.

“Muito feliz, o time está de parabéns. É apenas o segundo jogo no ano, estamos nos adaptando, entendendo a filosofia do técnico. Na partida, não começamos bem, evoluímos e fizemos um ótimo segundo tempo. Agora é pensar na final”, disse Sole Jaimes. O primeiro jogo da temporada, no domingo (05), também foi válido pela Supercopa Feminina, nas quartas de final. As rubro-negras golearam o Ceará por 10 a 0.

Nesta quinta-feira (09) será conhecido o adversário do Flamengo. Em São Paulo, Corinthians e Internacional se enfrentam às 15h30 (horário de Brasília). O time paulista, inclusive, é o atual campeão da competição. Já o Mengão tem como melhor desempenho uma semifinal no torneio, justamente no ano passado.

PROTESTOS PARA O TIME MASCULINO

A torcida que compareceu ao Estádio Luso-Brasileiro aproveitou a oportunidade para protestar contra o time masculino, que foi eliminado do Mundial de Clubes na terça-feira (07), pelo Al Hilal (SAU). Nas arquibancadas, os rubro-negros cantaram músicas pedindo as saídas do presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, e do vice-presidente de futebol, Marcos Braz.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *