Jogos do Carioca em Brasília, situação de patrocinadores do Flamengo, e mais: veja o que #BombouNoColuna

Em meio a pandemia do novo coronavírus no Brasil, a Federação de Futebol do Rio de Janeiro e os 16 clubes cariocas da Série A analisam formas para retomar às atividades. Em meio a este cenário, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro sugeriu que o Campeonato Carioca fosse encerrado em Brasília, no Estádio Mané Garrincha, por conta das medidas de isolamento determinadas pelo governo e prefeitura.

Devido à pandemia do novo coronavírus, os clubes estão sendo obrigados a reajustas as finanças, e no Flamengo não é diferente. O Mais Querido perdeu o patrocínio da Azeite Royal e está esperando uma das parcelas do pagamento da Adidas. Em entrevista ao site Meio&Mensagem, o vice-presidente de Marketing e Comunicação, Gustavo Oliveira, abriu o jogo sobre a situação de momento no Mais Querido.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


A pandemia Mundial do novo coronavírus paralisou as atividades por tempo indeterminado, e o Flamengo aproveitou a oportunidade para inovar. O conselheiros do clube votaram a aprovação das contas de 2019 por meio eletrônico e, pela primeira vez na história de um time de futebol, o balanço econômico foi auditado por uma Big Four, nome dado para se referir às quatro maiores empresas contábeis do mundo.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *