Soberano! Desfalque em reta final, Diego Alves encerra temporada 2020 como goleiro mais utilizado no Flamengo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

Por: Letícia Marques

O Flamengo encerrou a temporada de 2020 coroado como campeão brasileiro. Além disso, o Rubro-Negro já havia conquistado a Recopa Sul-Americana, a Supercopa do Brasil e o Campeonato Carioca. Uma ano atípico, com um calendário apertado, resultou ao Mais Querido algumas dificuldades neste período. O sistema defensivo foi o ‘calcanhar de Aquiles’, no entanto, Diego Alves manteve o protagonismo.

Apesar das lesões, o camisa 1 foi o goleiro que mais atuou com o Manto Sagrado na temporada de 2020. Isso porque, dos 70 jogos disputados, Diego Alves participou de 29. Em ascensão, Hugo Souza aparece com 27 partidas em campo em sua primeira temporada no profissional. Por fim, César e Gabriel Batista tiveram pouca participação neste período. Ao todo, foram apenas 11 e 7 confrontos disputados, respectivamente.

RETROSPECTOS DE GOLEIROS NA TEMPORADA 2020:
Diego Alves: 29 jogos – 25 gols sofridos
Hugo Souza: 27 jogos – 31 gols sofridos
César: 11 jogos – 14 gols sofridos
Gabriel Batista: 7 jogos – 8 gols sofridos


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Apesar de ter sido o goleiro que mais entrou em campo nesta temporada, o ano de 2020 está marcado como o período que Diego Alves menos atuou em sua carreira desde que retornou ao Brasil. Isso porque, com estes números, o camisa 1 só fica atrás do ano de 2017, ano em que chegou ao Flamengo e disputou somente 24 jogos, porém, em um período menor, visto que foi apresentado pelo clube carioca somente em julho.

Desde que chegou ao Flamengo, Rogério Ceni dá indícios de que a titularidade de Diego Alves é indiscutível, não à toa o treinador pediu a renovação de contrato do jogador. No entanto, o técnico não pôde contar com o camisa 1 na reta final do Campeonato Brasileiro, visto que o goleiro se lesionou no dia 20 de dezembro, contra o Bahia, e desfalcou o Rubro-Negro nas sete rodadas conseguintes. Contra o Sport, dia 1 de fevereiro, Diego retornou ao gol, mas sofreu uma nova lesão.

Desta forma, Diego Alves ainda se recupera dos problemas físicos e não entra em campo há um mês. Porém, apesar disso, o goleiro esteve junto a delegação durante toda a reta final do Brasileirão. Um dos capitães da equipe, o camisa 1 participou das viagens e se manteve ativo nos bastidores da conquista do título. Realizando pequenas atividades com bola, o preparador Wagner Miranda garantiu que há condição de Diego retornar ao alto nível na temporada 2021.

– A expectativa para o Diego Alves na temporada são as melhores, tenho certeza que dará a volta por cima depois dessas lesões, e será sem dúvida nenhuma uma peça importante, não só com sua experiência, mas também com sua qualidade técnica. Ele é uma influência muito positiva no grupo. Quanto a fazer um trabalho especial, só o dia a dia vai nos dar essa necessidade ou não. O que for preciso será feito para sua retomada em grande forma – disse em entrevista ao Globo Esporte

Assim como o elenco principal, Diego Alves está de férias e se reapresenta dia 15 de março no CT Ninho do Urubu. Enquanto isso, o goleiro fica na torcida pelo Flamengo no início do Campeonato Carioca, que será disputados com jovens da base. O Rubro-Negro estreia nesta terça-feira (02), às 21h30 (horário de Brasília), no Maracanã, contra o Nova Iguaçu. A partida terá transmissão da Record TV e da FLATV+, nova plataforma de streaming do clube. Além disso, Coluna do Fla faz a transmissão mais pé-quente no YouTube, com a narração de Rafa Penido.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *