Xodó de Ceni garante que retornaria ao Brasil para jogar no Flamengo: “Não tem o que pensar”

FOTO: DIVULGAÇÃO / JEONBUK MOTORS

O Flamengo tem um elenco extremamente qualificado, porém, a diretoria continua monitorando o mercado da bola. Os dirigentes rubro-negros, no entanto, vivem recebendo ofertas de empresários de atletas, mas os próprios jogadores também costumam demonstrar interesse de atuar com o Manto Sagrado, como é o caso de Gustagol, atualmente no JeonBuk Motors, clube sul-coreano.

Artilheiro do Brasil em 2018, ao marcar 30 gols em 45 jogos naquela temporada, o centroavante soma 30 partidas disputadas e 12 tentos assinalados pelo clube sul-coreano. Em entrevista ao portal Goal, Gustagol, como é conhecido, admitiu que aceitaria retornar ao Brasil para voltar a trabalhar com Rogério Ceni, no Flamengo.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Claro, né, velho, não tem muito o que pensar (se voltaria ao Brasil para jogar no Flamengo, caso Ceni chamasse). Jogador é lembrado por título e o Flamengo tem um time muito bom, excelente treinador e jogadores de alto nível. Se continuar desse jeito vai continuar conquistando muitos títulos ainda -, disse o jogador, que prosseguiu:

Sei que isso não vai acontecer porque os dois são fantásticos. São dois caras de características diferentes e muito bons. O Gabi, o Gabigol, um 9 de muita movimentação, e o Pedro que é mais de área. Para felicidade do Rogério, os dois vivem um grande momento -, completou o atacante.

Gustagol e Rogério Ceni trabalharam juntos em 2018, no Fortaleza, quando o centroavante se destacou e se tornou o artilheiro do Brasil. O treinador, no entanto, está bem servido na posição, com Gabriel Barbosa, Rodrigo Muniz e Pedro. O trio soma, ao todo, 16 gols na temporada, sendo sete de Gabi (oito jogos), cinco de Muniz (11) e quatro do camisa 21 (seis).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • E quem não quer?

  • O site tá recebendo grana de agente agora??

    “Gustanaoseiquem que o Ceni deu joinha uma vez gostaria de sair das coreia e ir prum dos maiores clubes do mundo”

  • Fica quietinho aí gambá.

  • Só o Rogerio Ceni mesmo, Gustagol é fraco, o 3⁰ reserva do ataque do Fla, o Rodrigo Muniz joga muito mais. Valorizem o que tem na casa. E fora Rogério Ceni, com Renato GaUchoa o Fla ganharia tudo, sem fazer muito esforço, não deixando a torcida com cabelos em pé.