Flamengo chega a sete jovens da base negociados; relembre valores

Por: Giovana Marcondes

Na próxima segunda-feira (07), mais uma joia da base do Flamengo deixará o clube. Isso porque, o zagueiro Matheus Thuler embarcará rumo à França para defender as cores do Montpellier. Apesar de já ter acordado o vínculo desde março, o jogador precisou esperar para viajar por conta da pandemia da Covid-19. Dessa forma, o Rubro-Negro chega a sete crias do Ninho negociados em 2021.

JOVENS NEGOCIADOS

Com a saída de Thuler para o futebol europeu, o Flamengo chega a sete jovens da base negociados em 2021: Natan (empréstimo com opção de compra ao Red Bull Bragantino), Yuri César (venda ao Al Shabab-EAU), Pepê (acerto com o Cuiabá), Lincoln (venda ao Vissel Kobe-JAP), Bill (empréstimo com opção de compra ao Dnipro-1-UCR), Klebinho (empréstimo ao Cruzeiro), além do zagueiro.

O Flamengo começou o ano de 2021 com duas vendas que deram ‘fôlego’ no departamento financeiro do clube. Isso porque, Lincoln foi negociado com o Vissel Kobe, do Japão, por um pouco mais de 15 milhões de reais, e Yuri César, enquanto isso, foi vendido para o Shabab Al Ahli, dos Emirados Árabes, por 32 milhões de reais. Logo depois, em fevereiro, Bill, também cria do Ninho, assinou contrato por empréstimo até dezembro de 2021 com o Dnipro, com opção de compra na casa dos R$ 6,6 milhões.

Em março, foi a vez de Natan deixar a Gávea. Em operação complexa, o jovem zagueiro foi emprestado até dezembro, por R$ 5 milhões. Caso dispute 20 jogos oficiais nesta temporada, o clube paulista será obrigado a comprá-lo em definitivo por cerca de R$ 22 milhões. Pepê, em abril, foi anunciado pelo Cuiabá. Como o vínculo com o Fla se encerrava em junho deste ano, o atleta foi liberado. O Rubro-Negro, no entanto, vai manter 20% dos direitos econômicos do atleta em uma futura venda.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Recentemente, sem espaço no Flamengo de Rogério Ceni, Klebinho foi emprestado ao Cruzeiro até o fim de 2021, mesmo prazo para o encerramento de seu vínculo com o Rubro-Negro. Caso o clube mineiro queira continuar com o lateral após tal período, o Mais Querido manterá 20% dos direitos econômicos.

Por fim, como mencionado, Thuler está de malas prontas para embarcar rumo à Europa. O Montpellier pagará ao Flamengo 200 mil euros pelo empréstimo de 18 meses do jogador. Caso deseje adquirir o atleta em definitivo, o clube francês terá que desembolsar 2,5 milhões de euros pelo defensor. Assim, o Mais Querido mantém 10% do zagueiro para negociações futuras. Vale lembrar que os 200 mil euros de empréstimo serão descontados do valor da compra caso o time do velho continente compre o esportista.

Assim, a fábrica de craques do Flamengo ajudará o clube a bater a meta de venda de atletas estimadas no orçamento financeiro de 2021, que prevê R$ 168 milhões em negociações de jogadores. A ausência de bilheteria há mais de um ano e as consequências da pandemia do novo coronavírus fizeram com que o planejamento do clube para este ano sofresse alterações.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Está meta já foi alcançada, então a norte está ideia de vender Muniz agira, vamos precisar dele.