Rodrigo Muniz tem mais gols que Everton Ribeiro e Bruno Henrique juntos na temporada pelo Flamengo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

Em meio ao elenco qualificado, os garotos das categorias de base têm se destacado e ganhado cada vez mais espaço. Rodrigo Muniz, de 20 anos, exemplifica perfeitamente a situação. O centroavante é um dos goleadores rubro-negros na atual temporada, na frente de Everton Ribeiro e Bruno Henrique somados.

Rodrigo Muniz é bastante utilizado por Rogério Ceni na atual temporada. Entretanto, o centroavante tem apenas quatro partidas como titular dos 16 jogos disputados até então. Ele, por sua vez, já fizera seis gols – atrás apenas de Gabigol e Pedro, que têm 15 e nove, respectivamente. Everton Ribeiro, contudo, ainda não balançou as redes em 17 duelos, sendo 15 desde o início. Bruno Henrique já marcou dois tentos e atuou em 15 cotejos, 12 começando entre os 11.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


Confira o retrospecto do trio na temporada:
Rodrigo Muniz: 16 jogos (4 de titular), seis gols
Bruno Henrique: 15 jogos: (12 de titular), dois gols
Everton Ribeiro: 17 jogos (15 de titular), não marcou gol

Bruno Henrique, por outro lado, soma quatro assistências, enquanto Everton Ribeiro deu um passe para gol na atual temporada. Embora goleador, Rodrigo Muniz ainda não contribuiu neste quesito. O centroavante, contudo, voltar ao banco de reservas. Isso porque, Pedro retorna ao time titular para o jogo contra o América-MG, no domingo (13), pela terceira rodada do Brasileirão. O embate será disputado no Maracanã, às 16h (horário de Brasília).

Apesar de focar no Flamengo, Rodrigo Muniz vive imbróglio nos bastidores do Rubro-Negro. O Genk, da Bélgica, acertou detalhes com o Fla e iria comprar o camisa 43 por 5 milhões de euros (cerca de R$30 milhões na cotação atual). Entretanto, o jogador recusou a proposta salarial, e a equipe belga ficou de fazer uma nova oferta até esta sexta-feira (11). Vale frisar que os times já estão apalavrados, faltando apenas a sinalização positiva do atleta para o desfrecho das tratativas.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Poha. Que comparativo ridículo. Um é meia, o outro é atacante. Rodrigo Muniz é CENTROAVANTE. o cara que tá ali pra fazer gols. BH e ER7 jogam pra armar jogadas pro cara que vai fazer o gol. Esse comparativo foi falta de reportagem???