Seleção Brasileira faz ataque do Flamengo gerar desafio para Rogério Ceni 

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

O Flamengo estreia na Copa do Brasil nesta quinta-feira (10), quando enfrenta o Coritiba, a partir das 21h30 (horário de Brasília), pela terceira fase da competição. Com uma série de jogadores à serviço das seleções, o técnico Rogério Ceni passou a ter um desafio para ajustar o ataque rubro-negro.

Com dez dias para trabalhar depois da estreia do Fla no Campeonato Brasileiro até a partida da Copa do Brasil, o treinador teve a chance de avaliar como o setor ofensivo do Mais Querido vai ficar caso Gabigol e Pedro sejam convocados oficialmente para os compromissos da Seleção Brasileira com a Copa América e as Olimpíadas.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Com isso, Bruno Henrique, titular absoluto na equipe de Ceni, assumirá o protagonismo na posição, podendo atuar como ‘falso 9’. O desafio aparece na hora de substituir Gabigol e Pedro à altura. As opções do comandante rubro-negro são: Rodrigo Muniz, Michael ou Vitinho. O trio, com características distintas, briga pela titularidade.

Vale lembrar que além da dupla de atacantes, o Flamengo ‘perdeu’ Arrascaeta, para o Uruguai, Isla para o Chile, Piris da Motta para o Paraguai, Gerson para a Seleção Olímpica do Brasil e Everton Ribeiro para a equipe de Tite. Sendo assim, outras posições desafiarão o treinador do Mengo.

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Mas vai dar tempo do gabigol voltar para o jogo. O Brasil joga terça no Paraguai. Acho q poderíamos aproveitar o Gabi meio tempo

  • Com todas estas dificuldades ainda insistem em vender a preço vil o jovem Muniz.