Ceni rechaça desgaste em relação com jogadores e enaltece postura do time contra o Atlético-MG

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Nesta quarta-feira (07), o Flamengo perdeu por 2 a 1 para Atlético-MG, em jogo válido pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado negativo amargou a quarta derrota em oito jogos, e intensificou as críticas ao trabalho de Ceni. Balançando no cargo, o treinador foi questionado sobre um possível ‘mal estar’ com os jogadores, mas descartou qualquer mudança na relação do dia a dia com os atletas e elogiou a postura do time no embate contra os mineiros.

Olha, a minha relação e o meu trabalho com os atletas é o mesmo do primeiro dia. Eu os trato da mesma maneira e sinto o mesmo retorno de cada um. Logicamente, quem joga sempre está um pouco mais feliz do que quem não joga, é normal, completamente natural. Mas, a relação, o dia a dia, todos que assistiram ao jogo viram o esforço, a dedicação de todos pela vitória. Foi um jogo muito próximo se olhar em números, muito parelho, e os jogadores estão se esforçando ao máximo para conseguir as vitórias -, disse, em entrevista coletiva.


Saiba como lucrar com apostas esportivas!


A derrota para o Atlético-MG não marca apenas o quarto resultado negativo em oito jogos, mas também o segundo revés consecutivo do atual campeão brasileiro no torneio nacional. Com apenas 12 pontos na classificação, o Flamengo ocupa a 11ª colocação na tabela, e precisa reencontrar o caminho das vitórias para diminuir a pressão da torcida e se reerguer na competição.

Visando uma virada de chave no Brasileirão, o Flamengo muda o foco e concentra suas atenções no próximo desafio: o jogo contra a Chapecoense, que será disputado no domingo (11). A bola vai rolar no Maracanã, às 18h (horário de Brasília), e o Mengo vai tentar aproveitar o ‘fator casa’ para garantir mais três pontos na competição.

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *