Estreia de Renato Gaúcho no Flamengo tem estatística semelhante a de Jorge Jesus

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Renato Gaúcho estreou como técnico do Flamengo na última quarta-feira (14) e venceu o Defensa y Justicia, por 1 a 0, na Argentina. O resultado encaminhou a classificação às quartas da Libertadores. Vale destacar que a primeira partida de Renato, curiosamente, teve um ponto semelhante à estreia de Jorge Jesus no comando do Rubro-Negro.

Nas duas ocasiões, o Mais Querido terminou com menos posse de bola que o adversário. Com Renato, por exemplo, o Flamengo venceu, mas teve somente 44%, e isto gerou contraste com o estilo rubro-negro das últimas três temporadas. No entanto, como dito, Jesus passou pelo mesmo ‘desafio’ em seu primeiro jogo. À época, no empate com o Athletico-PR, o Fla teve apenas 42%.

O recente estilo de jogo do Flamengo que fez o clube ter domínio no cenário do futebol brasileiro e sul-americano se iniciou com Jorge Jesus, e é baseado em maior posse de bola, mais finalizações e muita imposição no campo do adversário. O técnico português teve 57 partidas no comando e em nove oportunidades foi o adversário que aproveitou mais a troca de passes. Ao todo, ainda assim, foram: seis vitórias, dois empates e uma derrota.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


Cabe ressaltar que antes de Renato Gaúcho assumir o Fla, o técnico era Rogério Ceni. Com este treinador, em 45 partidas, o Rubro-negro só ficou atrás do adversário em posse de bola uma vez. À época, o time terminou com 43% contra 57% da LDU. Apesar disso, o Flamengo saiu vitorioso e venceu por 3 a 2, em Quito, pela terceira rodada da Libertadores de 2021. Os dados foram retirados do portal FootStats.

Tentando espantar o fantasma de Jorge Jesus e de Rogério Ceni, Renato Gaúcho se prepara para construir a própria Era no Flamengo. O próximo compromisso é contra o Bahia, no domingo (18), às 18h15 (horário de Brasília), no Estádio Pituaçu, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Logo em seguida, o Rubro-Negro encara o Defensa y Justicia, na quarta (21) e decide a classificação na próxima fase da Libertadores. O segundo e decisivo duelo acontece às 21h30 (de Brasília), no Mané Garrincha e com a presença de público.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *