Jornal argentino elogia o Defensa, mas aponta Flamengo como “grande candidato ao título” da Libertadores

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Na noite da última quarta-feira (14), o Flamengo estreou no mata-mata da Copa Libertadores da América ao enfrentar o Defensa y Justicia pelo jogo de ida das quartas de final do torneio. Com gol de Michael, o Mais Querido garantiu a vitória por 1 a 0 e, apesar de não ter tido uma atuação convincente, o Rubro-Negro foi apontado como “grande candidato ao título” pelo portal Olé.

O veículo argentino elogiou a atuação do Defensa y Justicia, mas ponderou que o time terá que melhorar a pontaria se quiser reverter o resultado no jogo da volta: “A equipe de Beccacece terá que afiar sua pontaria para alcançar o triunfo que o colocará nas quartas de final. No jogo, pouco há para reprovar os jogadores, que souberam incomodar um gigante do continente e um grande candidato a conquistar o título novamente”, dizia parte da publicação.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Para definir quem avança às quartas de final da Libertadores, Flamengo e Defensa y Justicia voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (21), às 21h30 (horário de Brasília). O estádio que receberá o confronto ainda não foi definido, mas há grandes chances de que o jogo aconteça no Mané Garrincha, em Brasília, com presença de público.

Antes disso, o Flamengo, agora comandado por Renato Gaúcho, vira a chave e foca no Campeonato Brasileiro. Sonhando com o tri, o Mais Querido encara o Bahia neste domingo (18), em jogo válido pela 12ª rodada do torneio nacional. A partida acontecerá no Estádio de Pituaçu, a partir das 18h15 (horário de Brasília).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Não vamos entrar nessa. Jogando o que jogamos, já somos favoritos? Fake news. Isso é proposital para relaxarmos no jogo da volta. Temos que estar atentos e empenhados. Temos que treinar muuuuuito e qualificar o plantel. Só assim poderemos chegar a final. Ninguém ganha jogo de véspera.