Renato Gaúcho convive com ‘sina’ de poupar jogadores em maratona de jogos decisivos do Flamengo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Habituado a poupar jogadores nos tempos de Grêmio, Renato Gaúcho tem de conviver com tal ‘sina’ já em seu começo no comando do Flamengo. Isso porque, o clube está ‘vivo’ em todas as competições na temporada e, por isso, vai enfrentar maratona pesada de jogos decisivos nas próximas semanas.

Apesar do desempenho contestado, o time saiu vitorioso no primeiro desafio, contra o Defensa y Justicia, na Argentina. Agora, o Mengo encara uma sequência de sete jogos consecutivos sem ter semana livre para treinamentos. Nesse período, o Fla decide a classificação na Libertadores, faz o duelo diante do ABC nas oitavas da Copa do Brasil, como também tenta ganhar posições no Campeonato Brasileiro.

VEJA SEQUÊNCIA DE JOGOS DO FLAMENGO:

Bahia x Flamengo – Brasileirão (18/07)
Flamengo x Defensa y Justicia – Libertadores (21/07)
Flamengo x São Paulo – Brasileirão (25/07)
Flamengo x ABC – Copa do Brasil (29/07)
Corinthians x Flamengo – Brasileirão (01/08)
ABC X Flamengo -Copa do Brasil (05/08)
Flamengo x Internacional – Brasileirão (08/08)


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


Projetando o melhor desempenho físico possível contra o Defensa y Justicia, na próxima quarta (21), Renato já tem a possibilidade de poupar jogadores diante do Bahia, no domingo (18), para ‘priorizar’ a classificação na Libertadores em um primeiro momento. No entanto, diferentemente da época de Grêmio, tal escolha do treinador pode não ser bem aceita pela torcida rubro-negra, que deseja força máxima em todas as frentes.

Bahia x Flamengo se enfrentam no domingo (18), às 18h15 (horário de Brasília), no Estádio Pituaçu. Para o duelo, Renato Gaúcho conta com a volta de Arão, que ficou de fora contra o defensa, além de um possível retorno de Diego Ribas. Bruno Henrique e Rodrigo Caio seguem tratando de lesões visando o duelo decisivo pelas oitavas da Libertadores.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *