Renato não nega ter entregado cargo no Flamengo, mas esquiva: “Prefiro deixar internamente”

FOTO: REPRODUÇÃO/FLATV

O Flamengo venceu o Atlético-MG por 1 a 0 neste sábado (30) e estancou a crise que vinha rondando todo o Departamento de Futebol. Na última quarta-feira, inclusive, foi um dos dias mais quentes nos bastidores, após o Rubro-Negro ser eliminado da Copa do Brasil, pelo Athletico Paranaense. Na ocasião, foi noticiado que o técnico Renato Gaúcho entregou o cargo. Nesta noite, ele foi questionado sobre o assunto e não negou a informação.

– Tem coisas que eu prefiro que fiquem internamente. Eu sempre converso bastante com o Braz e o Bruno (Spindel). Estão diariamente com a gente e ajudam bastante. Troquei algumas ideias com eles após a partida de quarta-feira, mas não quero entrar em detalhes. Importante é que conversei com eles e tive também uma conversa com o presidente no CT. Prefiro deixar internamente, converso com as pessoas que precisam ouvir o que eu tenho para falar –, declarou o treinador em entrevista coletiva.

ASSISTA AO GOL DA VITÓRIA DO FLAMENGO:


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


As críticas sobre o treinador chegaram ao ponto máximo justamente na quarta-feira (27), com protestos de torcedores ainda nas arquibancadas do Maracanã, durante a vexatória derrota por 3 a 0 para o Athletico Paranaense. Na ocasião, chegaram a usar palavras de baixo calão contra o treinador e, junto a isso, entoaram um canto para Jorge Jesus, ex-técnico do Fla, como forma de provocação.

Tentando retornar aos trilhos e se aproximar do Atlético-MG na briga pelo título do Brasileirão, o Flamengo volta a campo já na próxima terça-feira (02), quando reencontra o Athletico Paranaense. No Maracanã, o Mais Querido venceu por 3 a 0, e agora tenta repetir a dose para ir em busca do tri. A bola vai rolar para o confronto às 16h (horário de Brasília), na Arena da Baixada.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *