Flamengo tem terceiro jogador com problema na panturrilha

Jogadores do Mengão vêm sofrendo com problemas recorrentes na panturrilha; são seis relatos nos últimos quatro meses


O Flamengo tem sofrido com inúmeras lesões ao longo dos últimos quatro meses. Entretanto, um problema vem acontecendo com certa frequência: contusões na panturrilha. Não é o caso de Rodrigo Caio, ao menos por enquanto, mas, na vitória por 4 a 0 sobre o São Paulo, o zagueiro foi substituído com dores na região.

 

Até então, seis problemas na panturrilha foram relatados desde julho, mas, todos, se dividiram em três jogadores: Rodrigo Caio, Filipe Luís e Diego Ribas, cada um sentiu a região duas vezes cada. O lateral esquerdo, aliás, ainda não voltou a jogar desde que se contundiu pela última vez, dia 29 de outubro.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


CONFIRA OS PROBLEMAS NA PANTURRILHA:
13/07: Rodrigo Caio (edema na panturrilha esquerda)
09/09: Filipe Luís (lesão na panturrilha esquerda)
10/09: Diego Ribas (edema na panturrilha direita)
05/10: Diego Ribas (edema na panturrilha direita)
29/10: Filipe Luís (lesão panturrilha esquerda)
14/11: Rodrigo Caio (saiu com dores na panturrilha esquerda)

É importante frisar, no entanto, que Rodrigo Caio ainda passará por avaliação médica nesta segunda-feira (15). Ou seja, por enquanto, ele não foi diagnosticado com lesão na região. Entretanto, ele sofreu um chute no local, ainda no primeiro tempo da vitória sobre o São Paulo, sentiu bastante e acabou substituído, até para prevenir ou agravar a situação.

A expectativa, portanto, fica que seja apenas um baque na panturrilha mesmo, e Rodrigo Caio possa ser relacionado para o duelo com o Corinthians, na quarta-feira (15). Esta partida será disputada no Maracanã e terá início às 21h30 (horário de Brasília). O embate é válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Lembro me dos tempos em que o Romário jogava no rubro-negro e de vez em quando, tinha problemas de lesão na panturrilha. Na época, o planejamento para o retorno era algo de 4 semanas e milagrosamente, em 15 dias o cara já estava pronto para retornar! Bons tempos da época do Runco! Agora, teremos que conviver com essa b**** do Tannure…

  • Qdo R caio nao joga é um alivio. Menos um p substituir.Custo x beneficio ruim p o flamengo.