Braz acredita não haver problema em ser político e dirigente do Flamengo: “Mimimi”

Dirigente do Fla é vereador e candidato a deputado estadual


Apesar dos bons resultados em campo, Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Flamengo, convive com algumas críticas, como o fato de conciliar o cargo no clube com a vida pública. Atualmente, o dirigente é vereador no Rio de Janeiro e candidato a deputado federal. Caso seja eleito, Braz precisará ir para Brasília trabalhar, o que ele não vê como um problema. Em entrevista ao PODFLA, do Coluna do Fla, classificou essas reclamações como “mimimi” e relembrou outros que  tiveram funções fora do clube.


Ganhe dinheiro com vitórias do Flamengo



— (Em outras vezes que trabalhei no Flamengo), tinha minhas atribuições. Por exemplo: , quando fui vice-presidente te do conselho de administração do Flamengo, fui secretário de esportes do rio por um ano e meio. Outra coisa: o nosso Lomba é inspetor da receita federal, funcionário público, assim coo eu, mas contribuiu com o Flamengo. O Wallin Vasconcellos também. O Kléber Leite tinha empresa de marketing, mas contribuiu com o Flamengo. Todos esse ex-vices tinham outra atribuição, mas chegou na minha vez e é esse mimimi — comentou Marcos.

ASSISTA AO VÍDEO NA ÍNTEGRA

Por fim, Marcos Braz foi questionado se a diferença do tratamento não é porque o cargo dele é político, ao contrário dos demais. O dirigente também foi perguntado o que faria se tiver que se mudar para Brasília: “É um cargo político, mas é público, igual ao do Lomba. Eu não vou responder (se eu for para Brasília)”, concluiu Braz.

Ao mesmo tempo em que tem a vida pública, no Flamengo, Braz negocia jogadores. No último mês de julho, o dirigente foi um dos responsáveis por fazer o Mais Querido contratar os volantes chilenos Erick Pulgar e Arturo Vidal, o lateral direito Guillermo Varela e o atacante Everton Cebolinha.

Dentro de campo, o Rubro-Negro se prepara para encarar o Corinthians, nesta terça-feira (09), em jogo válido pela volta das quartas de final da Libertadores, no Maracanã, às 21h30 (horário de Brasília). Na partida de ida, o Mengão venceu por 2 a 0 e deu um passo importante rumo à semifinal. O embate terá transmissão do SBT, mas só no Coluna do Fla você encontra a narração mais rubro-negra da Internet.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • * mel é muito melhor que bosta… 😁😁😁

  • “Ataques de BOLSONARO contra a DEMOCRACIA”???!!!! “GENOCIDA”???!!! Tava tão bonito!… Mas, de repente… ESTRAGOU TUDO! Hummm, ou é petista, ou deve ser mais um “ceguinho”. Se for petista e cego, não vai adiantar tentar explicar, porque será como uma abelha q gosta de mel tentando explicar p mosca que mel é muito q bosta. Enfim, perda de tempo… 😖😖😖

  • Qual é o programa politico que Márcio Braz vai defender se for eleito? Que pretende fazer para combater a concentração de renda nas mãos de uma minoria enquanto 33 milhões de brasileiros passam fome? Que medidas irá defender para combater a pobreza em um país em que mais de 80% dos trabalhadores ganham menos de R$ 2 500,00 por mês. Que medidas pretende defender para reverter o processo de desindustrialização de nosso pais? Qual a sua posição em relação a corrupção do Estado do Rio pelas milícias? Como deputado federal, terá que estar de 2ª a 6ª feira em Brasília, se não quiser trair o voto de seus eleitores, como conseguirá conciliar isso com a função de diretor de futebol? Qual é a sua posição em relação aos ataques de Bolsonaro contra a democracia? Por último, porque os torcedores do Flamengo deveriam votar em candidato que apóia o governo genocida de Bolsonaro?