Raio-x do Gabigol: confira detalhes e curiosidades dos 29 gols do atacante na Libertadores

Gabigol é o maior artilheiro brasileiro da história da Libertadores da América


Por: Pedro Paulo Catonho

No dia 23 de novembro foi comemorado os três anos da histórica conquista da Libertadores da América. Nas redes sociais, na quarta-feira (23), muitos torcedores rubro-negros relembraram os dois gols de Gabigol contra o River Plate (ARG), no bicampeonato continental do Flamengo. Na história da competição, o ex-camisa 9 do Fla balançou as redes em mais 27 oportunidades, que o coloca como maior artilheiro brasileiro da história do torneio, ao lado de Luizão.

Dos 29 gols marcados pelo artilheiro na Libertadores, um foi pelo Santos, em 2018. Os demais foram pelo Flamengo, desde 2019. No primeiro ano pelo Mais Querido, Gabigol fez nove tentos. Na edição seguinte, anotou apenas dois. O novo camisa 10 da Gávea saiu para o abraço 11 vezes em 2021. Já na campanha do tricampeonato, em seis momentos a torcida pôde ‘levantar a plaquinha’.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


No total, foram 25 gols com o pé esquerdo, três com a direita e um de cabeça. Desses tentos com a canhota, oito ocorreram de pênalti. Dos tentos marcados na Libertadores da América, há equilíbrio quando o assunto é casa ou fora: 13 de mandante, 12 como visitante, além dos quatro em campo neutro, nas finais contra River Plate, Palmeiras e Athletico-PR.

Também há equilíbrio nos momentos dos gols: 14 no primeiro tempo e 15 no segundo. Quando Gabigol marca em Libertadores, na maioria das vezes o time do atacante sai com a vitória. Foram 25 triunfos que terminaram em triunfo, três acabaram empatados e apenas uma derrota, sendo que no tempo normal este resultado negativo acabou 1 a 1, diante do Palmeiras, na decisão de 2021. A equipe paulista levou a melhor na prorrogação.

VEJA TODOS OS GOLS DE GABIGOL NA LIBERTADORES

1. Santos 2×0 Estudiantes – 2018 – pé esquerdo – primeiro tempo
2. San José 0x1 Flamengo – 2019 – pé esquerdo – segundo tempo
3. Flamengo 3×1 LDU – 2019 – pé esquerdo – segundo tempo
4. Flamengo 2×0 Emelec – 2019 – pé esquerdo – primeiro tempo
5. Flamengo 2×0 Emelec – 2019 – pé esquerdo (pênalti) – primeiro tempo
6. Internacional 1×1 Flamengo – 2019 – pé esquerdo – segundo tempo
7. Flamengo 5×1 Grêmio – 2019 – pé esquerdo – segundo tempo
8. Flamengo 5×1 Grêmio – 2019 – pé esquerdo (pênalti) – segundo tempo
9. Flamengo 2×0 River Plate – 2019 – pé esquerdo – segundo tempo
10. Flamengo 2×0 River Plate – 2019 – pé esquerdo – segundo tempo
11. Flamengo 3×0 Barcelona – 2020 – pé esquerdo (pênalti) – primeiro tempo
12. Racing 1×1 Flamengo – 2020 – pé direito – primeiro tempo
13. Vélez 2×3 Flamengo – 2021 – pé esquerdo (pênalti) – segundo tempo
14. Flamengo 4×1 La Calera – 2021 – pé direito – primeiro tempo
15. Flamengo 4×1 La Calera – 2021 – pé esquerdo – segundo tempo
16. LDU 2×3 Flamengo – 2021 – pé esquerdo (pênalti) – primeiro tempo
17. LDU 2×3 Flamengo – 2021 – pé esquerdo – segundo tempo
18. La Calera 2×2 Flamengo – 2021 – pé esquerdo (pênalti) – primeiro tempo
19. Olímpia 1×4 Flamengo – 2021 – pé esquerdo (pênalti) – primeiro tempo
20. Olímpia 1×4 Flamengo – 2021 – pé direito – segundo tempo
21. Flamengo 5×1 Olímpia – 2021 – pé esquerdo – primeiro tempo
22. Flamengo 5×1 Olímpia – 2021 – cabeça – segundo tempo
23. Palmeiras 2×1 Flamengo – 2021 – pé esquerdo – segundo tempo
24. Flamengo 3×1 Talleres – 2022 – pé esquerdo (pênalti) – primeiro tempo
25. Universidad Católica 2×3 Flamengo – 2022 – pé esquerdo – primeiro tempo
26. Universidad Católica 2×3 Flamengo – 2022 – pé esquerdo – primeiro tempo
27. Flamengo 7×1 Tolima – 2022 – pé esquerdo – segundo tempo
28. Corinthians 0x2 Flamengo – 2022 – pé esquerdo – segundo tempo
29. Flamengo 1×0 Athletico-PR – 2022- pé esquerdo – primeiro tempo

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *