Olympiacos tentou a contratação de Mauricio Isla antes de fazer proposta por Rafinha

FOTO: AFP

Rafinha não é mais jogador do Flamengo, e o clube carioca se movimentou rapidamente no mercado de transferência para acertar com o substituto. O lateral brasileiro aceitou a proposta do Olympiacos, da Grécia, mas não era a primeira opção do time grego, que desejava contar justamente com Mauricio Isla, agora atleta do Rubro-Negro.

Mauricio Isla havia recebido proposta de cinco clubes: Valencia, Betis e Valladolid, da Espanha, Boca Jrs., da Argentina, e Olympiacos, da Grécia. Este último tentou a contratação do lateral chileno, porém, o jogador não gostou do projeto apresentado e preferiu permanecer à espera de uma oferta mais tentadora. Com a recusa, os gregos procuraram Rafinha, que aceitou de imediato. A informação foi publicada primeiramente pelo canal Venê Casagrande, no Youtube.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Mauricio Isla tivera alguns motivos para recusar o Olympiacos, dentre eles, o fato de achar que iria acabar “se escondendo” do futebol internacional. Sendo assim, o jogador acredita que iria ficar mais longe das convocações da seleção do Chile. O atleta tem o desejo de disputar a Copa do Mundo de 2022, e o Flamengo, diferentemente do clube grego, é visto como um facilitador para que isso aconteça.

Embora tenha recebido proposta da Grécia, da Argentina e da Espanha, Mauricio Isla aceitou o projeto do Flamengo após conversar com Domènec Torrent. O treinador entrou em contato com o lateral, indicou tudo que o Rubro-Negro tinha a oferecer e apontou que o atleta poderia retornar à seleção do Chile, por conta da visibilidade do Fla. A partir disso, Isla foi convencido e deu sinal positivo aos agentes para que dessem prosseguimento às negociações.

O Flamengo anunciou Mauricio Isla na última quarta-feira (19). O reforço assinou com o Rubro-Negro por dois anos e meio, ou seja, até dezembro de 2022. Com 32 anos, o jogador nunca atuou no futebol sul-americano e soma passagens por Udinese, Juventus e Cagliari, da Itália, Olympique de Marselha, da França, e Fenerbahçe, da Turquia. Este último, inclusive, foi o último clube que o atleta jogou.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Nada que vem do Rene Casagrande é verdeiro, ele é contra o fla. X9

  • Não faz nenhum sentido essa materia porque o isla não aceito o olimpiacos se eles ofereceram um salario tres vezes maior para o rafinja ir pra ir pra la conversa fiada muita mentira .

  • Nada vai resolver enquanto não valorizarem o clube, que paga em dia e oferece estrutura europeia. Há clubes em piores condições em que os atletas correm com mais vontade.

  • “trocar” rafinha por Isla foi a melhor coisa que o fla fez esse ano!
    rafinha é ótimo tecnicamente, bom taticamente, mas perdeu força e explosão por conta da idade. Isla ainda tem um gás, e é praticamente um jogador da escola européia.

  • O Rafinha já está com a idade avançada, agradecemos oque fez pelo clube durante o período que aqui esteve…Mais não está em condições de aguentar a maratona de jogos que o rubro negro terá pela frente, sendo assim para o Flamengo foi ótimo a escolha feita pelo lateral.

  • Enquanto uns se sentem seduzidos pelo Flamengo, outros preferem ir pra Grécia. O Flamengo sempre será maior. Sucesso Isla, contamos contigo.